Missão One-Post para Jason Stark [ATEMPORAL] - A Última Nota

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Missão One-Post para Jason Stark [ATEMPORAL] - A Última Nota

Mensagem por Convidad em Dom Fev 03, 2013 4:00 pm

A Última Nota

A música do mundo desapareceu de um dia para o outro, a Última Nota foi roubada, aquela deu a origem a todas as músicas, a Última Nota é uma lira capaz de reproduzir qualquer som em qualquer decibel, a unica coisa que se sabe é que seu paradeiro é no Brasil, sua missão é andar pela cidade e descobrir quem roubou a Última Nota, você deve enfrentar todos os monstros e desafios da cidade e devolver a arma para se devido dono Orfeu.

Convidad
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Missão One-Post para Jason Stark [ATEMPORAL] - A Última Nota

Mensagem por Convidado em Seg Fev 04, 2013 10:22 am

Estava praticando meu tiro com arco na Arena, eu mirava e atirava em um alvo de madeira para melhorar minha precisão e equilíbrio com essa arma que eu sempre admire. Quando eu puxei a corda de meu arco, um homem surgiu de trás do alvo. Ele usava uma calça jeans e uma camisa branca gola V.

Enquanto andava, dedilhava uma lira que as notas musicais voavam num tom roxo e eu logo percebi quem era:
-O que você faz aqui Orfeu?- Eu disse abaixando meu arco e guardando minhas flechas. Ele me observou e tocou uma melodia alegre e disse:
-Venho lhe pedir um favor. Você é um cavaleiro peregrino e gosta de viagens, então tenho uma para você.
-Qual é a missão?
Disse analisando as feições tristes do deus.
-A Última Nota foi roubada, o instrumento capaz de tocar qualquer coisa. Ela foi levada para o Brasil e temo que possa ser usada para um fim errado. Você deve partir imediatamente.
-Hum.....alguma ajuda?
-Ela esta no Rio de Janeiro, é a única coisa que sei, boa sorte.


Logo ele tocou sua lira e uma nota maior em tom esverdeado apareceu e ele sumiu. Recolhi minhas flechas e fui para meu chalé arrumar as cosas. Ajeitei minha mochila com um pouco de néctar e ambrosia, coloquei uma muda de roupa e um GPS. Depois coloquei minha adaga fantasma envolta da minha pele do leão de neméia. Coloquei uma calça negra larga e uma camisa de mangas longas preta com gola V. Calcei meus tênis negro e coloquei meus pingentes e meus anéis. Prendi meu brinco de lua na orelha, coloquei meu bracelete de ouro e coloquei no bolso meu canivete suíço, por que Contracorrente já estava no meu bolso como sempre.

Peguei minha aljava de couro negro e pus entre as flechas meu arco lunar e fechei, diria que sou um atleta de tiro com arco e ela passaria como bagagem. Logo eu estava pronto e fui até o portal de entrada. Argos me levou de combi para o aeroporto de Nova York. Entrei no aeroporto e logo uma passagem e meu passaporte surgiu no meu bolso. Eu nunca soube como explicar, mas essa habilidade de milhas aéreas era incrível, por que sempre viajo na primeira classe.

Fiz o check-in de minha bagagem e logo que meu avião pousou eu embarquei. Sentei e coloquei meus fones de ouvido, mas estava atento a toda a movimentação de passageiros. Ser um semideus e filho de um deus grande é perigoso, por que monstros podem farejar com facilidade meu cheiro. Para minha sorte ninguém aparentava ser um monstro, as aeromoças eram bonitas e bem arrumadas, tirando o ranger de metal que ouvi da perna de uma delas.

A viagem foi tranquila e logo que pousamos eu em apressei para buscar minha aljava. Eu não fazia ideia de onde estaria a Última Nota ou de onde procurar, então teria que começar o quanto antes possível. Quando eu peguei minha aljava e ia saindo da área de desembarque de bagagem, as duas aeromoças me abordaram dizendo:
-Sr. Stark, poderia nos acompanhar? Estamos com um pequeno problema de documentação, apenas rotina.
-Posso sim.


Elas então me acompanharam, elas eram linda, cabelos loiros e olhos castanhos claros, mas meu corpo me preparava para a batalha, meus instintos estava me dizendo que estava em perigo. Provavelmente elas eram monstros, mas não poderia lutar em pleno aeroporto, não queria ser um procurado depois. Eu deixaria que elas me levassem até que eu pudesse fugir ou lutar.

Minha mão escorregou par ao bolso onde eu guardava Contracorrente e nós entramos em uma salinha. Não era tão grande, tinha uma mesa com vários papéis e um computador, um bebedouro no canto e uma janela que dava para a pista de pouso, mas um local onde não havia aviões ou trabalhadores. Elas me olharam com mais raiva e eu logo falei:

-Me deixem ir embora e nenhuma de vocês morre.- Elas sorriram e mostraram sua forma verdadeira. Elas tinhas presas e olhos vermelhos, corpo feminino, mas um par de perna totalmente estranho. Elas tinha uma perna de burro e outra perna de robô, por isso o ranger de metal que ouvi antes. Elas eram empouse e eu teria problemas.
-Semideus, eu sei que esta aqui para pegar a Última Nota e nossa missão é não deixar.
Na mesma hora eu destampei Contracorrentes e queria sair dessa sala minúscula. Explodi o galão de água com o controlo aquático que minha espada me dava e serviu como distração. Eu saltei quebrando a janela e uma das mulheres monstro me seguiu.

Eu descrevi um arco lateral, para acertar o pescoço dela, mas ela foi ágil o suficiente para desviar e tentar uma mordida. Eu rolei no chão e logo percebi que a outra empouse havia se recuperado, apesar de estar toda molhada. Uma das empouse correu na minha direção e mostrou suas garras. Ela cortou o ar para me acertar, mas aparei seu golpe com minha lâmina, mas logo sua amiga veio junto num salto. Eu empurrei uma monstra contra a outra e elas rolaram no chão. Aproveitei e cortei na direção delas com Contracorrente e vi uma delas virar poeira.

A empouse que sobrou veio em fúria na minha direção, mas eu abri meu escudo Aegis 2.0 e ela recuou e exitou em atacar. Eu aproveitei e apliquei uma estocada na barriga dela. Enquanto ela virava pó, ela praguejou:
-Você irá morrer garoto, as garras de um felino te matarão.- Ela virou pó e sumiu. Eu caminhei até a rua, por sorte ninguém viu minha grande luta contra as mulheres vampiras, mas eu pensava sobre a sua praga, o que poderia me matar, provavelmente um monstro bem poderoso estava a solta no Rio e eu logo o veria.

Eu segui até o Jardim Botânico, por que no acampamento, alguns sátiros me informaram que alguns deles estavam no Rio e sempre se reunião no Jardim. Eu entrei procurando por alguma festa ou piquenique, era um lugar bonito, com várias flores e árvores. Percebi então o som das flautas de junco e o segui. Quando achei a fonte da melodia, haviam três sátiros dançando e comendo. Eles estava com calças e pés falsos, mas somente os homens bodes poderiam tocar daquele jeito uma flauta e as árvores mexiam seu galhos e as flores eram mais coloridas.

-Algum de vocês pode me ajudar?- Um dos sátiros parou a dança e disse:
-O que deseja filho de Zeus?
-Você sabe onde está a Última Nota?


Na hora a música parou e todos os sátiros se entre olharam, um deles veio até mim e disse:
-Ela foi roubada e será usada na festa de carnaval de hoje a noite, isso é tudo que sei. Eles provavelmente estarão em algum lugar de destaque.
-Quem estará?


Na hora que ele ia falar algo, um rugido alto e assustador ecoou pelas árvores. Os sátiros recolheram as coisas e fugiram e eu não tive tempo de me mover, por que o leão já estava na minha frente. Ele era maior que o normal, do tamanho de um elefante, fora isso tinha corpo comum de um leão. Eu tirei meu canivete suíço e ele se transformou em uma lança flamejante que espetei no corpo do leão, mas tomei um susto.

Quando ela tocou o monstro, se quer um arranhão se fez, parecia que ela havia batido em metal, assim como a pele que eu carregava na mochila.... Eu percebi que enfrentava o Leão de Nemeia. O felino salto e rasgou o ar com suas fortes garras. Eu rolei de lado e vi ele tombar uma árvore no chão. Guardei minha lança e peguei meu arco lunar, teria que tentar acertar os locais vulneráveis do monstro, onde a pele não cobrisse.

Tirei da aljava uma flecha envenenada e atirei na direção dos olhos do leão,mas ele apenas abaixou a cabeça e a flecha se repeliu na pele de aço. Ele tentou me morder, mas eu rapidamente abri meu escudo. Consegui defender sua mordida, mas depois ganhei uma patada nos peitos. Fui jogado de encontro a uma árvore e o monstro queria minha cabeça de qualquer jeito. Usei meu pingente dourado para cegar a fera momentaneamente e ela mordeu um tronco seco.

Eu saltei de lado e atirei duas flechas de fogo grego. Uma delas acertou suas costas e queimou, mas uma atingiu os olhos e o monstro pulava e urrava de dor. O Leão estava tomado de uma cólera poderosa e correu na minha direção. Ele mordia e golpeava com a pata. Eu consegui defender suas patadas, uma de suas mordidas me acertou de raspão na perna e uma das patadas me cortou nos ombros. Eu então lembrei dos olhos da Medusa no meu escudo. Quando o leão correu novamente, os olhos de esmeralda se abriram e o monstro rapidamente virou uma estátua quando viu. Ele ficou de boca aberta e em pose de batalha.

Peguei uma flecha de fogo grego e joguei pela boca do leão que se desfez em pó enquanto o fogo verde queimava. Sentei no chão e usei minha cura noturna para recuperar meu corpo dos ferimentos. Já eram seis da tarde e tinha que ir para o tal sambódromo onde ocorreria o tal carnaval.

Eu voei pelos céus até que achei uma grande movimentação de pessoas e uma música animada e contagiante, o samba. Eu já ouvira antes o ritmo, tinha umas faixas no meu MP4, como Tom Jobin e Exaltassamba. Pousei em um canto e me misturei com todo mundo. Era uma música alta e todos pulavam na passarela. Eu procurava algo que me chamasse a atenção, segundo os sátiros eles estariam em algum lugar de destaque, então olhava para cima.

De repente vi algo que nenhum dos mortais conseguia enxergar. Dentro de um camarote, haviam dois homens mais altos que o normal, com dentes afiados. Eram lestrigões ao lado de um homem grande e de pele avermelhada com uma lira de ouro linda e bem feita. A Última Nota.

Eu então corri pela multidão e quando consegui chegar as escadas eu subi com velocidade. Assim que cheguei na porta a arrombei ,já com Contracorrente nas mãos e a pele do leão de nemeia sobre meu tronco, perfurando o peito de um lestrigão. Ele virou pó e o outro pegou uma clava de aço. O gigante vermelho se levantou e me olhou de cima a baixo.
-Você é o tal filho de Zeus que esta atrás disso.- Disse o homem alto com a Lira nas mãos.
-Sim e eu gostaria que me desse, para que não haja mas brigas.
-Eu e você sabemos que vamos brigar.

Então ele jogou a poltrona na minha direção. Eu cortei ela no meio como se fosse papel com minha espada, mas o lestrigão me acertou nos peito com a clava. Eu fui arremessado para o chão e cai feio. Não sofri graves lesões por que meu brinco de lua virou um elmo negro que protegeu. O lestrigão desceu com o gigante ao seu lado. Eu estava em desvantagem, mas logo a modifiquei. Conjurei do chão a ajuda de mortos e logo cinco esqueletos com armadura, espada e escudo surgiram do chão eles atacaram os meus inimigos e eu fui junto.

O lestrigão foi meu primeiro alvo, por aparentava ser mais fácil. O lestrigão acertou a cabeça de um dos esqueletos, mas o outro espetou sua barriga com a espada. Eu fiz meu anel negro virar uma corrente de energia negra que eu enrolei no pescoço do monstro. Com o toque ele gritou de dor e eu saltei cortando sua cabeça fora coma lâmina de bronze celestial de Contracorrente.

Depois eu me virei par ao gigante que achei que estaria ocupado com meus esqueletos, mas vi apenas ossos jogados no chão:
-Acha que esqueletos podem derrotar Anteu?

Eu logo liguei o nome a pessoa, minha memória de Senhor do Tempo me fez lembrar a batalha entre esse monstro contra o Hércules e logo planejava uma estratégia para derrotar o inimigo. Anteu se aproximou e aplicou um forte soco. Eu não tive tempo de parar o golpe e fui lançado contra a parede. Eu então me recuperei e golpeei com Contracorrente que cortou o peito do monstro, mas logo a terra subiu pelo seu corpo e o regenerou.
-Acha que me vencerá garoto?

Eu pensei em um jeito de o tirar do chão, mas o Anteu não esperou eu pensar e jogou um carrinho de pipoca em mim. Eu fiz um escudo elétrico absoluto e me protegi do projétil e lembrei de minha habilidade sobre a gravidade. Guardei minha espada e busquei meu arco lunar. Quando Anteu correu de novo, eu movi os ventos variando a gravidade e levitando o monstro do chão. Ele se desesperou quando não sentiu o chão aos seu pés. Eu então saquei duas flechas elétricas e puxei a cordado arco. Elas se alojaram no peito do inimigo soltando uma descarga elétrica forte e o fazendo se desfazer em terra.

Peguei a Última Nota e só descansei quando estava no avião, em um voo noturno de volta ao acampamento.


Itens usados.

Código:
Anel da Noite - Anel que se torna uma corrente feita com a pura energia negra (apenas o filho de Nyx pode utilizá-la). O filho de Nyx tem total perícia sobre ela, a qual se torna maneira e de fácil manuseio. Quando a corrente encostar no corpo do inimigo o lugar afetado explodirá de uma dor insuportável (Aumenta de intensidade de acordo com o nível). Volta a ser um anel quando o dono prefirir.

 -Canivete de Fogo: Vira um mangual ou uma lança. O mangual e de aço celestial com três pontas de prata flamejantes, que sempre estão pegando fogo. A lança é de outro negro e que pode ficar com a lâmina em chamas para aumentar o poder ofensivo. Vira um canivete negro com labaredas na lateral.[ By: Héstia *-*]

- Aljava de couro negro com vários tipos de flecha.
Flechas Sonoras, Flechas envenenadas, Flechas com fogo grego na ponta, Fecha congelante, Flecha elétrica, Flecha de ponta de bronze reforçado, com aponta maior que atravessa armadura -flechas infinitas [ By mamis Héstia *-*] - com minha benção.

Pele do Leão de Nemeia

Elmo da Noite: Elmo totalmente negro que te protejerá contra ataques mentais e fisícos. Se torna um brinco em forma de lua depois. (Indestrutível) [By: Nyx]

Pingente Dourado: Emite um brilho natural que cega o oponente e pode crescer até criaruma barreira de luz ao redor do dono.

♠ Aegis 2.0= Escudo feito de ouro imperial com a medusa entalhada em alto relevo com os olhos fechados. Além de indestrutível e invulnerável, quando o olho se abre pode transformar em pedra, por três posts, aquele que olhar (duas vezes por missão). Vira um bracelete de ouro. [By: Mac]


Arco Lunar [Réplica][Sagrado]

Contracorrentes: espada de bronze celestial que vira uma caneta esferográfica quando fora de uso. Sempre esta no bolso. Pelo tempo que ficou com o antigo usuário, ela absorveu parte de seus poderes, então da ao usuário o poder de controle de água e criar terremoto.

Habilidades usadas:
Código:

☾ Comando Necromante: O filho de Nyx agora pode dar comando a espíritos e esqueletos que surgem direto do submundo. Eles irão te obedecer mesmo se não quiserem. Consegue já controlar monstros mais fracos como Harpias e até Cães Infernais. Nesse nível o semidou pode invocar dez fantasmas e/ou esqueletos ou um monstro. [Uma vez por missão. Eles permanecem até serem abatidos pelo inimigo. Conforme for aumentando o nível do filho de Nyx maior quantidade ele poderá invocar e monstros mais fortes.]

•   O Saber II – seus conhecimentos se estendem a acontecimentos de 500 anos atrás.


ϟ Príncipe dos Céus [Nível 30] ϟ
O filho de Zeus agora é capaz de voar livremente.

ϟ Defesa Elétrica [Nível 25] ϟ
Consiste em uma defesa absoluta composta de energia ambiente ou corporal.




Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Missão One-Post para Jason Stark [ATEMPORAL] - A Última Nota

Mensagem por Convidad em Seg Fev 04, 2013 6:01 pm

Muito bom, apesar de eu achar que foi meio rápido, você foi bem...

2 lvls e 220 xp 1.500 dracmas.

Você conseguiu na missão um item raro, uma broca de prata celestial e esta agora é sua.

Convidad
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Missão One-Post para Jason Stark [ATEMPORAL] - A Última Nota

Mensagem por Convidad em Seg Mar 18, 2013 12:41 pm

Tártaro

Convidad
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Missão One-Post para Jason Stark [ATEMPORAL] - A Última Nota

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum