The House of Death

Página 2 de 5 Anterior  1, 2, 3, 4, 5  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

The House of Death

Mensagem por Administrador em Sab Jun 14, 2014 9:59 am

Relembrando a primeira mensagem :

The House of Death
Os passos apressados da garota eram o único som naquele local, mesmo assim, era perturbador. A escuridão estava por quase toda a parte, sendo rompida apenas pela luz do luar que entrava pelas janelas. O contraste do ambiente o fazia parecer um filme de terror. Quanto mais caminhava, mais a garota tinha certeza de que não deveria estar ali. Sua respiração ofegante ecoava pelas paredes, seu coração palpitava de tal forma que parecia a ponto de saltar do peito.

Sua mão fria posou sobre a maçaneta de prata, que estava estranhamente quente. Hesitante, a menina prosseguiu e lentamente abriu a porta. As fechaduras rangeram, gerando um som agoniante que lhe causava desespero. O interior do cômodo estava vazio, porém, isso não a tranquilizou, pelo contrário, a deixou ainda mais amedrontada. Esperava encontrar algo ameaçador, algo que lhe desse um fim rápido e indolor, ao contrário de seus companheiros.

Ouviu um estalo vindo dos fundos e rapidamente trancou a porta atrás de si, ficando só naquele quarto assustador. Sem janelas ou lâmpadas, a única luz era a da lanterna que Lucy trazia consigo. Uma lágrima escorreu pelo seu rosto, nem chorar a garota conseguia mais. Apenas desejava que tudo voltasse ao normal, só queria poder sair daquela casa.

As luzes da lanterna começaram a piscar até se apagarem totalmente, Lucy entrou ainda mais em desespero. Correu para dentro do armário assim que ouviu os passos do lado de fora. A porta se abriu, mas não era possível ver o que passava por ela. Apenas o som dos passos sobre o velho assoalho serviam como forma de confirmar que ‘ele’ estava vindo, cada vez mais perto do armário. A garota sabia que não havia escapatória, era o fim. Sem ter mais uma chance ela fechou os olhos e silenciou, deixando apenas um baixa gemido escapar de sua boca quando sentiu o metal frio lhe penetrar a pele e o sangue quente escorrer de seu peito. Foram poucos segundos de agonia, os últimos segundos de sua vida.

- - - - - - - ♦ - - - - - - -
♣ Temos o destino que merecemos. O nosso destino está de acordo com os nossos méritos ♣ (Albert Einstein)
avatar
Administrador
Admin

Mensagens : 205
Data de inscrição : 24/12/2012

Ficha do personagem
Level: 1
Energia:
100/100  (100/100)
HP:
100/100  (100/100)

http://pjoonline.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo


Re: The House of Death

Mensagem por Zachary A. Howard em Dom Jun 15, 2014 7:01 pm



Every other day to start

MISSÃO SECRETA • NOT A BAD THING


O semideus xinga baixo. Ele tentou abrir a porta sem sucesso, eles não podiam sair. Estava tudo trancado. Não havia uma saída aparentemente, o que é bom, já que os lobos não poderiam entrar na casa, mas também não poderíamos sair. Por sorte não estava sozinho, tinha a companhia dos dois semideuses conhecidos, uma amiga de sua namorada e um conhecido filho de Érebo. O meio-sangue estava calmo e sorriu fraco para os companheiros, queria transmitir confiança a eles, afinal aquela missão não era um bicho de sete cabeças.

— Vamos ficar juntos, não façam muito barulho, e estejam atentos a barulhos e a tudo ao seu redor. É melhor darmos um pequeno tour pela mansão... — dizia o semideus com uma voz calma e baixa. Seus olhos buscavam observar o cenário ao redor, enquanto caminhava pela mansão.



Equipamentos Levados:
♠ Excalibur: espada de ouro celestial com joias cravejadas. Sua cor dourada assemelha-se com o fogo, elemento que envolve a lâmina em batalha. O metal foi forjado nas chamas da lareira de Héstia e possui a benção da deusa, tornando-se assim uma arma quase indestrutível, extremamente leve e capaz de cortar até diamante, se a fé do cavaleiro for grande. [Cavaleiro Nômade – Cavaleiro de Héstia]
♠ Armadura romana
♠ Elmo Vermelho
♠ Desert Eagle - Uma pistola feita de puro ferro estígio. Possui balas de ferro estígio ilimitadas. (Indestrutível) {by: Circe}
♠ Foice/Espada do Perdão: feita de ferro estígio, quando foice seu cabo armazena um cristal roxo que emite um brilho infinito, na forma de espada o cristal fica na base da empunhadura. [Classe Livre]
Poderes Passivos:
♠ Visão Noturna – Por terem origens ligadas ao submundo que é um local escuro sua visão a noite é perfeita, podendo enxergar como se fosse dia.
♠ Olfato Apurado - O filho de Macária Consegue sentir qualquer cheiro em um raio de 80 km. Quando ele desejar, ele também consegue modificar o cheiro das coisas. Imune a venenos presentes no ar.
♠ Calma: Nunca perderão o controle durante uma batalha, permanecendo calmos e podendo fazer o mesmo com um aliado.

• Coded by: IG & SA •

------------------------------------- PercyJackson -------------------------------------


avatar
Zachary A. Howard
Cavaleiros de Héstia
Cavaleiros de Héstia

Mensagens : 100
Data de inscrição : 24/12/2012

Ficha do personagem
Level: 13
Energia:
220/220  (220/220)
HP:
220/220  (220/220)

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The House of Death

Mensagem por Carol Angel em Dom Jun 15, 2014 7:13 pm

Eu estava fazendo algo errado. Meus golpes apenas atrasava os lobos.  Então, é hora de colocar o plano B em ação.

Com um pouco de concentração utilizei um poder cedido por meu pai que me permitia criar alguns clones meus, 10 no total.  Então comecei a contar meu plano para elas e dando as ordem, quase em sussurros.

A divisão ficou assim: Três iam ficar a minha esquerda jogando esferas de fogo nos lobos, mas tomando cuidado para não serem pegas; duas, a minha direita, iam usar as ondas sonoras, também tomando cuidado para não serem pegas; as cinco restantes iam fazer aparecer flechas elementais de terra e com o pensamento iam "atira-las" nos lobos. Esses clones ficariam na minha frente, deixando um espaço para eu poder atacar também.

Após eu explicar brevemente o que cada ia fazer, elas se colocaram em ação.  Enquanto eu fazia flechas elementais de areia aparecessem, já encaixadas no arco, e depois incendiava elas com a chama solar. Só depois disso atirava nos lobos.

poderes:
☼ Pericia II - Agora os filhos e Arqueiros estão mais habilidosos com o arco. As flechas lançadas por eles podem atingir grandes velocidades.

Chama Solar - Agora pode fazer com que alguma arma seja incendiada pela chama solar causando um dano maior, podendo usar principalmente em suas flechas.

Flecha Elemental I - Você poderá criar vários tipos de flechas com poderes e formas diferentes. Neste nível, a flecha criada por você é feita de areia. Será mais leve e deixará areia cair areia por onde passar. Ao ser lançado por duas vezes seguidas, ou mais, poderá causar uma infecção na ferida causada por esta, graças ao elemento.


Teleguiada II - Agora a flecha não precisará ser lançada. Ela irá sair automaticamente de sua aljava, ou aparecer, caso for o caso, e você irá controla-la até o oponente.

Esferas de Fogo II - Agora terá 4 esferas de fogo normal sob seu controle. Elas poderão queimar o oponente.

Flecha Elemental II - Agora as flechas serão feitas de Terra. Sendo pesadas e causando cortes fortes no corpo do oponente e até mesmo em armaduras fortes ou pele dura.

Guerra dos Clones II - Agora poderá criar 10 clones de si mesmo com os mesmos poderes que você.

Ondas Sonoras I - Ao estender as mãos em direção ao oponente, o filho/arqueiro de Apolo poderá lançar ondas sonoras que poderão atordoar o oponente.








------------------------------------- PercyJackson -------------------------------------

Carol Angel
Filha de Apolo* 17 anos*Líder do chalé 7* Senhora do Tempo*Fred meu Bobo ♥️  Lovatic*Selenator*Smiler

Se você seguir seu coração, a vida é como uma obra de arte. - Demi Lovato
avatar
Carol Angel
Instrutores
Instrutores

Mensagens : 206
Data de inscrição : 24/12/2012
Idade : 19
Localização : in La La Land

Ficha do personagem
Level: 19
Energia:
280/280  (280/280)
HP:
280/280  (280/280)

http://ameninadiferent.tumblr.com/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The House of Death

Mensagem por Sebastian Verlac Lahey em Dom Jun 15, 2014 8:20 pm



My Immortal
There's just too much that time cannot erase
 


Havia conseguido entrar na casa juntos dos outros três, olhei pra trás um pouco satisfeito dos lobos não terem entrado, ou pelo menos ainda não. Sorri sem graça olhando a porta fechada e pela rigidez duvidava que pudesse ser aberta tão cedo, então veio aquele pensamento de que agora a armadilha havia prendido suas presas e a forte fora lançada. Usei meu poder do vácuo com os elementos para criar uma esfera de fogo na minha mão esquerda que esta livre da espada.

Movi minha mão com a esfera de fogo para os lados com calma, para observar o local em questão porque embora eu pudesse enxergar no escuro não quer dizer que vou enxergar detalhes e textura iguais como se visse na claridade. Havia realmente algumas janelas na casa e no comodo em que estávamos, mas estavam seladas com tábuas grossas de madeiras, o que em parte deixou a pergunta no ar se irão resistir aos lobos lá fora.

As madeiras estavam bem colocadas, o que só de ver me deixava com a mente riscando a hipótese de tirar as tábua e isso deixava o foco na casa e o que quer tivesse ali dentro dela. O semideus a frente reconhecendo mais de perto percebi uma aura levemente escura com alguma ligação a noite ou a morte por exemplo, mas não era hora de adivinhar os pais dos presentes.

Ouvi com atenção o que ele disse, o que de fato era óbvio para quem costuma assistir filmes de terror, suspense ou qualquer outro gênero que tenha uma casa sinistra que os personagens tenham de entrar por alguma coincidência ou armadilha do destino. Balancei a cabeça positivamente para ele e o segui pelo caminho da casa observando cantos, o caminho em que estávamos indo enquanto disse baixo para os dois:

-Cuidado onde pisam, porque pode contar armadilhas ou pistas sobre o local.

Armas:
✷Espada do Espectro: espada com aparência envelhecida, feita de bronze celestial negro. Quando mata o inimigo faz seu corpo virar cinzas. [Classe Livre]

✷Bracelete de Espinhos: faz um tipo de arame farpado sair dele e se estender por até metros. [Classe Livre]

• Capa Branca - Pode ficar invisível, intangível e sem cheiro.[Classe Livre]

Água curativa { Um pequeno frasco que contém uma poção. Tal poção é uma água curativa, quando o semideus a ingeri cura alguns de seus ferimentos e eleva sua energia} {Recupera 30 de HP e Energia} { A poção acaba após cinco vezes de uso} [0/5] [Classe Livre]

Poderes Usados:
Nível 08: Elementos
Gelo - Uma das formas de eliminar o gás para se criar o vácuo, é congelando as moléculas. Você tem o controle total sobre o gelo, podendo criá-lo, moldá-lo, derretê-lo como bem entender. Consegue controlar a água, pois gelo nada mais é do que a água em outro estado. Podendo aumentar a quantidade de água e então fazer o que bem entender.

Fogo - Controlamos os Vácuos, podendo criar um, e também desfazer. Você agora tem a habilidade de criar gases, e usando esses gases você cria o fogo, e pode controlá-lo com perfeição, criando ataques e defesas usando o elemento.

Vento - Ao criar moléculas e gases, você cria o vento, tendo controle total sobre esse elemento, criando furacões, deixando ele extremamente rápido, e o que mais você tiver em mente.

Voo - Meus filhos controlam a gravidade também. Ao usar esse controle e os ventos, consegue voar ilimitadamente e com facilidade.

Terra - Por controlar as moléculas, você cria terra e rochas, tendo total controle sobre esse elemento, a rocha/terra é criada instantaneamente, na forma que quiser, e o semideus não precisa de esforço físico para controlá-las.

Mascotes:
Niklaus [Corvo / Macho] Pelo preto e um pouco maior que os corvos normais, possui olhos vermelhos vivos que um certo medo para quem olha pelo olhar assassino que a ave tem. Garras grandes e afiadas como se fossem próprias para o ataque e eram mesmo, suas penas tão escuras que de noite mal se via a ave no céu. Obedece apenas a Sebastian e tem um senso protetor e assassino para proteger ao dono. [Nível: 6][Exp: 0 0 100][HP: 100 / 100][Energia: 100 / 100]

Pégasos bialado Viserion - Um pégaso que possui dois pares de asas brancas lhe permitindo voar duas vezes mais rápido, sua coloração é caramelo, sua crina e rabo são feitos de fios luminosos, possui um senso de direção incrível e nunca se perde. Nível 15. Sexo: Masculino. [Hermes]


COM: Alguém ONDE: Aqui VESTINDO: Isso POST: 000

@Lilah

------------------------------------- PercyJackson -------------------------------------

Sebastian Verlac Lahey
your worst nightmare


thanks thay vengeance @ cupcake graphics
avatar
Sebastian Verlac Lahey
Monitores
Monitores

Mensagens : 54
Data de inscrição : 02/12/2013
Idade : 22

Ficha do personagem
Level: 16
Energia:
250/250  (250/250)
HP:
250/250  (250/250)

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The House of Death

Mensagem por Ryan C. Black em Dom Jun 15, 2014 9:45 pm

- Então vocês querem me atacar? - Eu disse, sorrindo para eles. - Não vão conseguir, ou talvez consigam, sei lá. Mas vamos logo com isso.

Rapidamente, criei três geisers vindos diretamente do solo, abaixo dos três lobos,querendo leva-los para o alto e rapidamente quando eles caíssem, várias pontas de gelo presente no chão iriam perfura-los. Estas, criadas a partir de um pouco da água presente no geiser.

- Deem um oi pro Tio Tártaro quando forem para lá.

Poderes:


Gêiser – Invoca um gêiser em qualquer local, podendo utilizar para ataque ou defesa. Muito eficaz para se desviar flechas.

Pontas de Gelo - Pode criar pontas de gelo congelando a água e atacar seus adversários. [-40MP]

------------------------------------- PercyJackson -------------------------------------

Ryan C. Black
avatar
Ryan C. Black
Monitores
Monitores

Mensagens : 88
Data de inscrição : 17/10/2013

Ficha do personagem
Level: 19
Energia:
280/280  (280/280)
HP:
280/280  (280/280)

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The House of Death

Mensagem por Kyros A. Weisen em Seg Jun 16, 2014 12:17 am

Meus golpes passaram longe deles, nada tinha adiantado e os meus golpes foram um tanto ridículos até mesmo para mim, fiz o escudo voltar ao seu estado de luvas, eu sempre tinha usado duas espadas, era mais o meu estilo. A espada paradoxal então se dividiu, uma de bronze celestial e a outra de prata divina, olhei em volta me lembrando de algo que tinha lido em um livro, e também conhecimento geral. Lobos seguiam uma hierarquia, o macho alfa liderava a alcateia e o ômega era o mais fraco e vivia das sobras do grupo. Olhei em volta procurando o mais fraco entre todos, o que parecesse menor ou mais fraco apesar de todos eles serem imensos e fortes. Olhei em volta por algum tempo e o avistei, corri até ele com o dragão do meu lado sem nunca deixar de prestar atenção ao que estava acontecendo em minha volta. Com a espada de bronze no braço direito tentei acertar o pescoço do animal movendo meu corpo para a esquerda, tentando faze-lo com o máximo de força possível, tirei a espada e com outro movimento tentei acertar sua perna, tentando fazer um corte profundo o suficiente para que o movimento fosse afetado. Com a outra mão tentei acertar o seu olho, deixando um corte vertical que me lembraria muito o Scar do Rei Leão. – “não é hora pra pensar nisso seu idiota!” – repreendi a mim mesmo por pensar em besteiras como aquela enquanto fazia um movimento rápido de 90 graus ao redor dele e tentava acertar a parte lateral de sua barriga. Então com as duas espadas tentei acertar sua coluna para parar de vez com seus movimentos, me afastei um pouco e meu dragão voou até ele de uma forma não tão elegante assim e tentou o imobilizar com suas duas patas enormes e logo encravou os dentes no pescoço do pobre lobo, o apertando com toda a força que tinha em suas mandíbulas. Então como se nada tivesse acontecido voltou correndo e enrolou seu corpo ao redor do meu em uma pose defensiva
Mascote e armas usadas:
♠ Armadura de Platina - Recebeu esse nome porque foi feita com Platina, Prata celestial e Oricalco. É forte e leve, fazendo com que a velocidade do usuário aumente em cerca de 30%, e sua defesa da mesma forma. Se transforma em dois braceletes que são ativados pela mente do usuário, e cobrem todo o corpo com essa armadura.
Meteoro lunar – Um escudo todo negro, no meio há uma pequena pedra da lua gravada, é revestido por estranhos materiais que o torna indestrutível. Quando não usado em batalha ele se transforma em um par de luvas negras na mão do personagem.

Espada Paradoxal: uma lâmina de 80 centímetros forjada com prata divina e bronze celestial, o cabo é de madeira cujo núcleo é uma estrela. Em batalha pode se dividir, gerando duas espadas, uma de bronze celestial e a outro de prata divina. As lâminas podem potencializar o dano. [Classe D]

------------------------------------- PercyJackson -------------------------------------

“Aquele que combate monstros deve tomar cuidado para que ele mesmo não se torne um. E, se olhar muito tempo para o abismo, o abismo te encara de volta.” – Freud Niëtzche

Kyros A. Weisen
Monitores
Monitores

Mensagens : 125
Data de inscrição : 16/10/2013

Ficha do personagem
Level: 15
Energia:
240/240  (240/240)
HP:
240/240  (240/240)

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The House of Death

Mensagem por Frederico H. Fray em Seg Jun 16, 2014 7:38 am




Missão Secreta



Por mais incrível que paressa esses lobos me deixaram mais vermelho do que já estava, o fogo só criou uma barreira,não muito forte e letal, entre eu e eles. Respiro fundo e sinto uma vibração em minhas costas e no instante seguinte vejo brotar da mesma lindas asas brancas, alço voo, planando no ar a uma distância boa dos lobos pego um item em minha mochila.

Retiro uma cartola negra, fecho meus olhos e desejo uma arma de tranquílizantes com tiros consecutivos, o liquido de dentro tinha potência para colocar um Ciclope adulto para dormir. Pego a arma e disparo três tiros contra cada um dos três lobos, se isso não funcionar, como eu já meio que previa, tenho um plano de fuga. Voo em direção a casa. Tomara que lá seja mais seguro do que aqui rezo aos deuses para proteger os outros semideuses.




Armas & Mascote:

- Isqueiro mágico: Contém fogo grego é só responde aos comandos de Fred. Além de se transformar em uma espada de ouro com a lâmina envolta em chamas. Sempre te leva de volta para casa. [by: Héstia]
Asas de Querubim: São asas composta por 6 pares elas aparecem quando o Dono estiver precisando muito e voaram sem se quer cansar[By Hermes ^^]

Executadora de Demônios:Capaz de desintegrar objetos com o toque, drenar o sangue da vítima e enfraquecê-la apenas deixando à mostra a grande cruz no topo da lâmina.[By Hermes]
ʤ CJ7 – Pingente que possui as seguintes funções: ao ser acionado me permite falar com qualquer pessoa o seu onde ela esteja, me teleportar para qualquer lugar sem gasto de energia e retirar a energia de um lugar para meus fins pessoas, como reabastecer a energia perdida do pingente. [By: Frederico]
Boneca Vudo 2: Uma boneca feita de pura irá e maldade agora a mesma não é preciso ter raiva para manipular uma pessoa basta recitar o nome e a mesma toma a forma do ser (Animal, Humano ou Alma) assim torturando de formas diferente até podendo (Na vontade do narrador) levar  a morte.
Cajado do ar- Cajado de prata divina que pode assumir o tamanho que quiser, entre dez centímetros e dois metros. Ele é indestrutível e pode lançar fortes rajadas de vento.
✖Cartola do Mágico: Cartola negra de Cetim, é só Desejar, o que quiser o Semideus dê lá tirará, inclusive facas, punhais e objetos do tipo (menos armas de grande porte ou outro item mágico). Também poderá servir para armazenar itens do semideus.[Opcional]
Nome: Godofredo Raça: Dragão (Gelo) Sexo: Masculino Level: 10 observações (opcional): Tem as escamas feitas de puro cristal de gelo (Não gelo cristal de gelo)
Template by @Cassie for Vinik
avatar
Frederico H. Fray
Monitores
Monitores

Mensagens : 210
Data de inscrição : 13/02/2013
Idade : 24
Localização : Não é da sua conta.

Ficha do personagem
Level: 32
Energia:
410/410  (410/410)
HP:
410/410  (410/410)

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The House of Death

Mensagem por Emily Brown em Seg Jun 16, 2014 10:06 am

We will fight to the death


To the edge of the earth...

Assim que os três semideuses estavam dentro da casa, a porta se fechou. Emily suspirou pesadamente, nem precisou encarar a porta ou tentar abri-la novamente para ter a certeza de que não conseguiria destranca-la, e o mesmo podia ser dito das janelas, que eram todas fechadas por taboas de madeira, aparentemente bem resistentes.

O silencio dentro da mansão abandonada fora quebrado por Zachary, que instruiu os companheiros a permanecerem quietos, juntos, atento a barulhos suspeitos e que explorassem a mansão, Emily apenas assentiu, mantendo a espada em punhos, já que não sabia o que ou quem poderia encontrar em algum dos cômodos. A garota seguiu quieta o amigo, rezando para todos os deuses que os que ficaram do lado de fora da casa consigam sobreviver aos lobos.

Armas:
Arco de Madeira Encantada – resistente, com alcance de 700 metros. [Classe Livre]

Espada Sonífera: espada de bronze banhada com um veneno especial. Um corte basta para contaminar o ferimento, o que causa sonolência no alvo (faz az perícias da vítima caírem pela metade por 3 rodada). O veneno só funciona uma vez por batalha. [Classe D]

Ambrósia {Recupera 30 HP} [Classe Livre]

#Aljava com 100 flechas de bronze Envenenadas [Classe D]

Armadura Cristalina: um colar com um pingente em forma de cristal de gelo. Quando acionado faz com que uma fina camada de gelo recubra o usuário formando uma armadura completa.[Classe C]

Adagas de Gelo: par de adagas feitas de diamante. Um simples corte pode congelar o local por uma rodada. Se o ferimento é profundo causa hipotermia imediata no alvo, o tirando de combate.[Classe C]



▲▼

------------------------------------- PercyJackson -------------------------------------

and how you liked to aggravate
ON RAINY AFTERNOONS
thanks to Larissa
avatar
Emily Brown
Monitores
Monitores

Mensagens : 88
Data de inscrição : 20/02/2013
Idade : 22

Ficha do personagem
Level: 20
Energia:
290/290  (290/290)
HP:
290/290  (290/290)

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The House of Death

Mensagem por Administrador em Seg Jun 16, 2014 3:52 pm

The House of Death - 5ª Rodada
Dentro da casa, Zachary se mostrara frustrado ao falhar em sua tentativa de abrir a porta. Sem alternativa estava convencido de que precisaria sim enfrentar o que pudesse aparecer ali mesmo. Pareceu então assumir a delicada posição de liderança ao dar conselhos e sugestões sobre o que fazer agora que precisavam seguir em frente. Sebastian não discordou, de nada adiantaria ficar ali. O rapaz que parecia se basear bastante no que via em filmes refletia sobre o que poderia estar ali dentro ou se os lobos não entrariam, o que era até compreensivo.

Emily seguiu o exemplo do filho de Érebo e concordou com a sugestão dada. Armada e atenta, a semideusa lutava contra o medo e orava para os deuses em busca de proteção, tanto sua quanto como para a de seus amigos. Ambos começaram a caminhar, ainda sem ter muita noção de sua localização, porém, as características poderiam dar algo a entender sobre o local. As paredes estavam cobertas por molduras de quadros e telas rasgadas. No teto o imenso lustre pendia, sem luz. Sob seus pés viram um gigantesco tapete de veludo marrom que cobria todo o assoalho. Alguns móveis e mesas encostados às paredes, frágeis devido o tempo. Contrária à porta uma enorme escadaria se formava. O conjunto de degraus dividia-se alguns lances acima, tomando caminhos opostos – direita e esquerda -  indo até entradas enormes. A janela no topo dos primeiros lances da escada era a única onde não havia bloqueios. Já sem vidros, apenas lhes restava a armação de ferro.

No primeiro momento o silêncio e a escuridão pareceram predominar no local. O bater de asas de alguns morcegos poderiam ser ouvidos por qualquer um dentro da mansão. Mais uma varredura pelo cômodo revelaria duas portas, ocultas atrás de restos de móveis de madeira, uma em cada lado da ampla sala. Ficar ali parados não lhes serviria de nada, porém, o temor de que algo a mais estivesse ali dentro não poderia ser descartado. A possibilidade de algo pior do que os lobos residir na mansão faria qualquer um repensar dezenas de vezes sobre sua estadia ali.


----------♦ ----------


O filho de Hécate parecia ceder ao desespero. Suas táticas de pouco servia, pois subestimava as formidáveis criaturas inimigas. Os lobos, não temiam as aras ou poderes dos semideuses, pareciam focados em apenas feri-los, da mais importava. O combate acirrado era a prova disso, como se algo os privasse de medo, dor e hesitação. Planando acima da batalha, Frederico passou a disparar com sua ‘arma’, mas não parecia ter perícia com tal objeto, tão pouco conhecimento de caça, atributos mais do que necessários para se atingir animais em movimento.

Os lobos lutavam, estavam sempre em movimento, em contra partida, os semideuses enfrentava os seres de frente, o que aumentava a chance de que um deles fosse alvejado pelos disparos do rapaz. Carol havia descido perto do portão, mas a batalha ali era intensa, sendo necessário a utilização de clones. Ainda assim, os lobos não eram poucos ou descuidados. Alguns eram atingidos, mas a grande maioria estava atenta.

Ryan utilizou gêiseres em uma vã tentativa de arremessar os monstros para o alto. Mesmo com a tática os pegando de surpresa, não era forte o suficiente para lhes levantar no ar. Ao menor contato com a água quente as criaturas recuaram, ficando longe do garoto e suas estaca de gelo. O filho de Poseidon rapidamente ficou exausto, ora devido o golpe de poucos momentos atrás, ora por causa do uso de seu poder de forma exagerada. Obviamente ele havia usado a água dos gêiseres para formar as estacas de gelo, bastou a mudança do estado físico da água quase em ebulição para o estado sólido. Outro golpe de magnitude igual ou maior seria suficiente para leva-lo à nocaute.

Connie estava dando o máximo de si, mas ainda não era o suficiente. Mesmo utilizando seu conhecimento para identificar o melhor alvo, o filho de Atena não tinha a experiência necessária para conseguir bater de frente com a monstruosidade. Seus golpes eram facilmente previstos e desviados, mesmo assim, obrigava o animal a recuar, se afastando do foco da luta. O dragão do rapaz, em um movimento extremamente inusitado acabou por matar o lobo de forma rápida. Mas a velocidade com que atacou não era mesma para a de sua reação. Outros três lobos saltaram sobre a criatura, focando seu pescoço. As mordias lhes profanavam a carne e se afundavam cada vez mais, fazendo o sangue do dragão escorrer pelo pescoço.

Dicas/Esclarecimentos:
1- Busquem fazer um texto mais correto e organizado. Evitem ao máximo a repetição de palavras, parágrafos de uma linha, perda do nexo.
2- Fiquem atentos aos seus movimentos. Em batalha tudo está em constante movimento, por isso o risco de atingir um aliado é alto.
3- Não narrem ações concretas. Narrar algo que foge do seu controle, como a ação de outros indivíduos ou suas próprias ações de forma que dê a entender que deram certo é um erro. O julgamento do certo ou errado quanto à batalha ou o que ocorre no ambiente fica a cargo do narrador.
4- Cuidado com seus poderes. Não ficarei discontando vida ou energia a cada rodada por que é desnecessário nessa missão. Mas isso não significa que não olharei o lado lógico do uso de seus poderes. Sempre visarem a forma mais provável do seu uso.
5- Usem parágrafos.
6- Sejam mais claros quanto às suas emoções. Esse é um ponto onde não tenho poder de decisão, vocês podem sentir o que quiserem sem limites, não tenham medo de descreve o sentimento de seus personagens.
Obs: vocês não estão indo tão mal, mas prestem atenção nos pontos que coloquei acima e verão uma grande diferença.
Para quem já postou:
- Sejam coerentes, detalhem cada ação e sejam organizados.
- Evitem detalhes ou descrições que não lhes dei, como nos posts anteriores.
- Quem ficou para lutar, deve se resumir ao que foi descrito com relação ao resultado de suas ações. O mesmo é válido para quem correu para a casa.
Para quem não postou:
- jogadores que haviam se inscrito mas não postaram não podem mais participar.
Prazo:
- Até as 12 horas do dia 17/06. O próximo prazo vai das 13 horas até as 18:20.
♣ Temos o destino que merecemos. O nosso destino está de acordo com os nossos méritos ♣ (Albert Einstein)
avatar
Administrador
Admin

Mensagens : 205
Data de inscrição : 24/12/2012

Ficha do personagem
Level: 1
Energia:
100/100  (100/100)
HP:
100/100  (100/100)

http://pjoonline.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The House of Death

Mensagem por Ryan C. Black em Seg Jun 16, 2014 7:20 pm

Eu me odeio.

Naquele momento minha raiva aumentou. A maioria das coisas que eu fazia dava errado. Eu estava machucado, encurralado, cansado. Minhas armas não eram tão boas naquele momento e até o meu tigre do tamanho de um cavalo estava tendo problemas para atacar os lobos.

Hoje não era o meu dia. Ou noite, no caso.

Novamente, minha espada se materializou em minha frente. Saltei pelos pedaços de gelo afiados que eu criara inutilmente e investi contra um dos lobos, o mais próximo. Usava meu escudo para me defender de algum outro ataque dos outros seres lupinos e golpeava o que estava frente a mim com minha espada afiada.

O que eu queria naquela hora era apenas causar ferimentos grandes, principalmente nas patas. Sem ter como andar, eles não poderiam se locomover, certo?

E foi isso que eu fiz. Foquei meus golpes nos membros que equilibravam os lobos, fazendo cortes com minha espada no ar e ameaçando lançar meu escudo em algum dos lobos, caso eu se aproximasse. Logo, senti o vento passar com velocidade e vi Spark me ajudando com suas garras afiadas, acertando os lobos, ou tentando.



------------------------------------- PercyJackson -------------------------------------

Ryan C. Black
avatar
Ryan C. Black
Monitores
Monitores

Mensagens : 88
Data de inscrição : 17/10/2013

Ficha do personagem
Level: 19
Energia:
280/280  (280/280)
HP:
280/280  (280/280)

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The House of Death

Mensagem por Carol Angel em Seg Jun 16, 2014 7:27 pm

Meus golpes e os golpes dos meus clones estavam funcionando. Porém, numa escala de 0 a 10%, eu só atingia, no máximo, 2% dos lobos. Isso estava me deixando frustada e irritada.
Mas uma coisa eu sei de certeza, uma hora vou achar algum plano bom. Nem que seja ao nascer do sol.

Eu tinha que arrumar um jeito de acabar com os lobos sem ferir os meus amigos. E isso estava ficando cada vez mais difícil.

Comecei a olhar ao meu redor, com uma flecha encaixada no arco se eu precisasse me proteger rápido. O dragão do Fred estava voando em círculos logo acima de mim. Deduzi que o Bobo mandou ele me proteger até o fim da luta. Minhas guerreiras de luz ainda atacavam, cada uma com os meus melhores poderes, mas eu não sabia até quando eles iam manter o ritmo nos ataques.
Então eu continuei a atirar flechas nos lobos mais próximos, sempre quando estavam distraídos ou pareciam estar.




------------------------------------- PercyJackson -------------------------------------

Carol Angel
Filha de Apolo* 17 anos*Líder do chalé 7* Senhora do Tempo*Fred meu Bobo ♥️  Lovatic*Selenator*Smiler

Se você seguir seu coração, a vida é como uma obra de arte. - Demi Lovato
avatar
Carol Angel
Instrutores
Instrutores

Mensagens : 206
Data de inscrição : 24/12/2012
Idade : 19
Localização : in La La Land

Ficha do personagem
Level: 19
Energia:
280/280  (280/280)
HP:
280/280  (280/280)

http://ameninadiferent.tumblr.com/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The House of Death

Mensagem por Frederico H. Fray em Seg Jun 16, 2014 7:40 pm




Missão Secreta



Tudo o que eu fazia não surtia um efeito duradouro, ou quase nem um sobre as feras caninas, minha frustração me causava raiva e isso me deixava com o sangue correndo mais rápido e a mente descontrolada, no alto respiro fundo enchendo meus pulmões de ar e espirando tudo para fora, fiz esse movimento de inspirar e espirar cinco vezes até sentir uma calma tomar conta do meu ser, fecho meus olhos e rezo em silêncio a minha mãe, que em muitas vezes me atendeu com carinho, abro meus olhos e começo a recitação de um ritual de paralisia
- Tenues homines habitantes in terra imperii in nomine Hecate inferis, quod est in manu mea, ut amet diam cordar prendão perpetuum cursum animalium, et velociores lupis vespertinis absmo oblivio.

Ergo as mãos ao céus e recito mais forte o encantamento, sinto minhas veias ferverem e meus olhos arderem, mas continuava a recitar, minha carne queimava como se estivesse sobre brasas. Quando termino de recitar sinto a dor passar e olho para os lobos torcendo que todos eles tivessem petrificados como estatuas.


Habilidade:
Nível 14, Ritualista [Avançado]: Agora os filhos de Hécate podem criar mais um ritual, complexo e amplo como ele quiser — desde que não ultrapasse os limites de seu nível.

Ritual:
Obs: Se quiser traduzir o ritual tente do latim


Armas & Mascote:

- Isqueiro mágico: Contém fogo grego é só responde aos comandos de Fred. Além de se transformar em uma espada de ouro com a lâmina envolta em chamas. Sempre te leva de volta para casa. [by: Héstia]
Asas de Querubim: São asas composta por 6 pares elas aparecem quando o Dono estiver precisando muito e voaram sem se quer cansar[By Hermes ^^]

Executadora de Demônios:Capaz de desintegrar objetos com o toque, drenar o sangue da vítima e enfraquecê-la apenas deixando à mostra a grande cruz no topo da lâmina.[By Hermes]
ʤ CJ7 – Pingente que possui as seguintes funções: ao ser acionado me permite falar com qualquer pessoa o seu onde ela esteja, me teleportar para qualquer lugar sem gasto de energia e retirar a energia de um lugar para meus fins pessoas, como reabastecer a energia perdida do pingente. [By: Frederico]
Boneca Vudo 2: Uma boneca feita de pura irá e maldade agora a mesma não é preciso ter raiva para manipular uma pessoa basta recitar o nome e a mesma toma a forma do ser (Animal, Humano ou Alma) assim torturando de formas diferente até podendo (Na vontade do narrador) levar  a morte.
Cajado do ar- Cajado de prata divina que pode assumir o tamanho que quiser, entre dez centímetros e dois metros. Ele é indestrutível e pode lançar fortes rajadas de vento.
✖Cartola do Mágico: Cartola negra de Cetim, é só Desejar, o que quiser o Semideus dê lá tirará, inclusive facas, punhais e objetos do tipo (menos armas de grande porte ou outro item mágico). Também poderá servir para armazenar itens do semideus.[Opcional]
Nome: Godofredo Raça: Dragão (Gelo) Sexo: Masculino Level: 10 observações (opcional): Tem as escamas feitas de puro cristal de gelo (Não gelo cristal de gelo)
Template by @Cassie for Vinik
avatar
Frederico H. Fray
Monitores
Monitores

Mensagens : 210
Data de inscrição : 13/02/2013
Idade : 24
Localização : Não é da sua conta.

Ficha do personagem
Level: 32
Energia:
410/410  (410/410)
HP:
410/410  (410/410)

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The House of Death

Mensagem por Zachary A. Howard em Seg Jun 16, 2014 8:09 pm



Every other day to start

MISSÃO SECRETA • NOT A BAD THING


A calma reinava sobre o semideus, e o silêncio sobre a mansão. Zach buscava controlar tudo, suas emoções, seus pensamentos, até mesmo a sua respiração. Ele tinha certeza de que se não tanto poder sobre como se sentia, provavelmente, estaria desesperado procurando algum modo de sair daquele lugar que a cada passo parecia menos seguro. Se havia algum "vilão" nessa missão, era quase certo que ele estava dentro da mansão, o que deixava o semideus mais apreensivo. Ele segurou mais firmemente no cabo da espada, o filho da boa morte sabia que poderia ser surpreendido em qualquer momento, e ser pego surpreendido não era nada bom.

Seu pensamento estava longe, mas não tão longe assim. Estava pensando nos meio-sangues do lado de fora, como eles estariam e se entrar ao invés de ajudá-los foi mesmo uma boa opção para se seguir. Zach respirou fundo, desvencilhando esse pensamento da sua mente, ele tinha coisas mais importantes para se focar, em achar o mais rápido possível quem mandou aqueles lobos e dar uma boa surra nele, quem sabe assim os lobos cessariam os ataques ou até sumiriam dali. Após cessar aqueles pensamentos preocupados, o semideus observou ao seu redor, observando o lugar. O lugar parecia antigo, os móveis não pareciam ser desse século e logicamente, por consequência, o dono também não deveria ser tão jovem assim. Mais a frente podia-se ver em oposição a porta de entrada estava uma enorme escadaria que partia-se em dois caminhos de lados opostos — direita e esquerda —, mas o que mais chamou sua atenção fora uma janela quebrada, talvez a única saída/entrada para a casa. Ele tinha a opção de sair da mansão e ajudar os outros semideuses com os lobos, ou ficar na casa e procurar quem era o causador daquilo tudo. Sem hesitar o  herói desviou o olhar, descartando aquela opção como válida.

Zach fechou os olhos firmemente, rezando uma baixa prece para a deusa Héstia, dando para ouvir-se só a última parte de sua reza.— ... lady me guie por favor nesse momento de desespero. — Ele abriu os olhos, buscando algo que me guiasse


Equipamentos Levados:
♠ Excalibur: espada de ouro celestial com joias cravejadas. Sua cor dourada assemelha-se com o fogo, elemento que envolve a lâmina em batalha. O metal foi forjado nas chamas da lareira de Héstia e possui a benção da deusa, tornando-se assim uma arma quase indestrutível, extremamente leve e capaz de cortar até diamante, se a fé do cavaleiro for grande. [Cavaleiro Nômade – Cavaleiro de Héstia]
♠ Armadura romana
♠ Elmo Vermelho
♠ Desert Eagle - Uma pistola feita de puro ferro estígio. Possui balas de ferro estígio ilimitadas. (Indestrutível) {by: Circe}
♠ Foice/Espada do Perdão: feita de ferro estígio, quando foice seu cabo armazena um cristal roxo que emite um brilho infinito, na forma de espada o cristal fica na base da empunhadura. [Classe Livre]
Poderes Passivos:
♠ Visão Noturna – Por terem origens ligadas ao submundo que é um local escuro sua visão a noite é perfeita, podendo enxergar como se fosse dia.
♠ Olfato Apurado - O filho de Macária Consegue sentir qualquer cheiro em um raio de 80 km. Quando ele desejar, ele também consegue modificar o cheiro das coisas. Imune a venenos presentes no ar.
♠ Calma: Nunca perderão o controle durante uma batalha, permanecendo calmos e podendo fazer o mesmo com um aliado.
Poderes Ativos:
Level 10: Chama de esperança: Aqui, você poderá guiar-se em um momento de total desespero. As chamas da esperança sempre te levarão aonde você tem que ir, e farão com que você chegue lá em segurança. Gasta 10 xp.

• Coded by: IG & SA •

------------------------------------- PercyJackson -------------------------------------


avatar
Zachary A. Howard
Cavaleiros de Héstia
Cavaleiros de Héstia

Mensagens : 100
Data de inscrição : 24/12/2012

Ficha do personagem
Level: 13
Energia:
220/220  (220/220)
HP:
220/220  (220/220)

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The House of Death

Mensagem por Sebastian Verlac Lahey em Seg Jun 16, 2014 8:35 pm



My Immortal
There's just too much that time cannot erase
 


Andar, andar e andar, era o que se podia fazer dentro da casa estranha, estava me sentindo num filme de terror em que metade dos personagens já morreu no caminho pra chegar até a casa e só restava três, sorri sem graça porque parecia uma piada dos deuses que depois de tantos filmes de terror estivesse numa casa assim, mas não ia ficar como aqueles personagens burros e iria tentar ser sensato ao máximo.

As paredes continham molduras de quadros e telas rasgadas o que mais ainda me lembrava de filmes de terror, mas com um bom toque de monstros ali porque com certeza esse cenário parecia cena de algum ataque com as janelas lacradas e essas paredes com telas rasgadas e tudo no geral até ali. To teto pude ver o lustre enorme e sem luz, até que a casa tinha seu toque luxuoso, velho e aparentemente cena de um ataque, mas ainda assim luxuoso.

Após cansar de ver o lustre como se esperasse algo saindo dele, olhei para baixo e vi um tapete gigante de veludo marrom eu acho que cobria o chão todo, realmente quem morava ali gostava de ostentar bastante. Tinha também alguns móveis e mesas já com o tempo passado por eles assim como a aparência externa da casa, do lado oposto a posta que vim com os outros semideuses, tinha uma escadaria enorme.

A escadaria era como se espera de casas grandes, no meio da sala de frente pra porta de entrada, com dois lances tomando caminhos opostos, indo sabe-se lá pra onde que na casa em que estava iam para entradas enormes. No topo dos primeiros lances da escada tinha uma janela só com os ferros, sem madeiras e sem vidros o que me deixou receoso com o motivo sobre o porque aquela janela estaria assim, mas apenas olhei com os olhos semicerrados com a espada de prontidão.

A princípio o silêncio estava predominante, mas o bater de asas de morcegos estava alto rapidamente e quase automaticamente olhei em volta meio que procurando os morcegos, mas isso revelou pra mim duas portas escondidas por móveis quebrados. Olhei com receio sobre qual calminho tomar, mas escolhi o da direita porque lembrei dos lobos do lado de fora, olhei os móveis pensando que talvez tivesse mais ali dentro ou quem sabe uma mãe e seus filhotes.

Meus olhos quase saltaram com essa hipótese relativamente plausível o que me deixo mais agitado ainda para sair dali logo, parecia que meu sangue fervia para me mexer logo e sair daquele estado de turma do Scooby-Doo. Andei um pouco, mais para frente ainda ficando um pouco atrás de Zach, tentando usar minha habilidade passiva de visão para ver melhor o local. Tentava ver manchas ou marcas mais velhas que a escuridão não permitisse ver com facilidade, enquanto esperava alguma resolução de Zach ou ideias de Emily sobre nosso caminho porque havia quatro opções e nenhum boa de fato.

Armas:
✷Espada do Espectro: espada com aparência envelhecida, feita de bronze celestial negro. Quando mata o inimigo faz seu corpo virar cinzas. [Classe Livre]

✷Bracelete de Espinhos: faz um tipo de arame farpado sair dele e se estender por até metros. [Classe Livre]

• Capa Branca - Pode ficar invisível, intangível e sem cheiro.[Classe Livre]

Água curativa { Um pequeno frasco que contém uma poção. Tal poção é uma água curativa, quando o semideus a ingeri cura alguns de seus ferimentos e eleva sua energia} {Recupera 30 de HP e Energia} { A poção acaba após cinco vezes de uso} [0/5] [Classe Livre]

Poderes Usados:
• Visão - É capaz de enxergar tão bem no escuro total quando enxerga no claro.

Mascotes:
Niklaus [Corvo / Macho] Pelo preto e um pouco maior que os corvos normais, possui olhos vermelhos vivos que um certo medo para quem olha pelo olhar assassino que a ave tem. Garras grandes e afiadas como se fossem próprias para o ataque e eram mesmo, suas penas tão escuras que de noite mal se via a ave no céu. Obedece apenas a Sebastian e tem um senso protetor e assassino para proteger ao dono. [Nível: 6][Exp: 0 0 100][HP: 100 / 100][Energia: 100 / 100]

Pégasos bialado Viserion - Um pégaso que possui dois pares de asas brancas lhe permitindo voar duas vezes mais rápido, sua coloração é caramelo, sua crina e rabo são feitos de fios luminosos, possui um senso de direção incrível e nunca se perde. Nível 15. Sexo: Masculino. [Hermes]


COM: Alguém ONDE: Aqui VESTINDO: Isso POST: 000

@Lilah

------------------------------------- PercyJackson -------------------------------------

Sebastian Verlac Lahey
your worst nightmare


thanks thay vengeance @ cupcake graphics
avatar
Sebastian Verlac Lahey
Monitores
Monitores

Mensagens : 54
Data de inscrição : 02/12/2013
Idade : 22

Ficha do personagem
Level: 16
Energia:
250/250  (250/250)
HP:
250/250  (250/250)

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The House of Death

Mensagem por Emily Brown em Seg Jun 16, 2014 11:09 pm

We will fight to the death


To the edge of the earth...

Emily tentava entender o motivo da missão, procurava respostas ate nos quadros empoeirados pendurados nas paredes velhas e já descascadas, mas, como esperava, não encontrou nada, a não ser que uma provável crise alérgica de toda aquela poeira lhe trouxesse respostas. Sua mente vagou para longe, ou talvez nem tão distante assim, passou a se perguntar quem enviara os lobos, quem os chamara para aquela missão sem explicação aparente, porque os trancara dentro da casa, mas, aparentemente, as perguntas continuariam sem respostas por um bom tempo.

A filha de Quione balança a cabeça, retornando a atenção para o ambiente a seu redor, ou ao menos o que sobrava e não fora corroído pelo tempo, a maioria dos moveis estavam quebrados, empoeirados ou, por ser, em sua maioria, constituídos de madeira, comido por cupins. O assoalho era coberto por um tapete felpudo e marrom, ele começava pouco depois da entrada da porta e acabada nos 'pés' da escada, que se estendia ate se dividir em duas, que continuavam ate grandes entradas. Entre os degraus que se dividiam opostamente, estava uma enorme janela, a unica que não estava fechada com taboas de madeira, e nem mesmo tinham vidros, muito provavelmente, aquela seria a unica que encontrariam assim, então, caso fosse preciso, poderiam usar ali como uma rota de fuga, é claro que se a altura da janela ate o solo não fosse mortal.

- Esse lugar precisa de uma boa faxina. - Emily comentou ao passar o dedo indicador sobre uma estante de madeira que comportava alguns quadros de aparência antiga. O comentário fora mais para quebrar o silencio que qualquer outra coisa, se ouvisse apenas o bater das assas daqueles benditos morcegos iria ser levada a loucura.

Aquela casa lhe fazia lembrar dos inúmeros filmes de terror que assistira em toda sua vida, a loura já estava quase tendo a certeza de que a qualquer momento Jason desceria as escadas com sua serra-elétrica ligada para mata-los, ou entrar a Samara sairia de algum canto para assusta-los, ou, a pior das hipóteses, ali eles encontrariam uma boneca assassina.

Armas:
Arco de Madeira Encantada – resistente, com alcance de 700 metros. [Classe Livre]

Espada Sonífera: espada de bronze banhada com um veneno especial. Um corte basta para contaminar o ferimento, o que causa sonolência no alvo (faz az perícias da vítima caírem pela metade por 3 rodada). O veneno só funciona uma vez por batalha. [Classe D]

Ambrósia {Recupera 30 HP} [Classe Livre]

#Aljava com 100 flechas de bronze Envenenadas [Classe D]

Armadura Cristalina: um colar com um pingente em forma de cristal de gelo. Quando acionado faz com que uma fina camada de gelo recubra o usuário formando uma armadura completa.[Classe C]

Adagas de Gelo: par de adagas feitas de diamante. Um simples corte pode congelar o local por uma rodada. Se o ferimento é profundo causa hipotermia imediata no alvo, o tirando de combate.[Classe C]



▲▼

------------------------------------- PercyJackson -------------------------------------

and how you liked to aggravate
ON RAINY AFTERNOONS
thanks to Larissa
avatar
Emily Brown
Monitores
Monitores

Mensagens : 88
Data de inscrição : 20/02/2013
Idade : 22

Ficha do personagem
Level: 20
Energia:
290/290  (290/290)
HP:
290/290  (290/290)

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The House of Death

Mensagem por Administrador em Ter Jun 17, 2014 4:28 pm

The House of Death - 6ª Rodada
Ryan, mesmo com o apoio de seu mascote, estava sendo cercado por sete lobos. Seus movimentos ineficazes provavam a superioridade dos adversários. Sua espada cortava o ar de forma que apenas afastava os monstros, cujos olhos brilhavam em um tom prateado horripilante. O alfa apenas observava, nem sequer havia tentando investir contra os semideuses, o que era mais do que estranho.
Carol estava a se destacar, porém, não poderia manter a mesma posição por muito tempo. O cansaço por ter que manter os clones era evidente e aos poucos os disparos tornavam-se mais lentos. Isso estava dando espaço aos lobos, que passaram a ter uma atitude mais ofensiva com relação à garota.
Foi Frederico, que após tanto errar, trouxe uma luz para a batalha. O garoto colocou tudo de si no encantamento que por fim surtiu efeito, breve, mas eficaz. Os lobos menores começaram a parar gradativamente, seus movimentos pareciam pesados e rígidos. Suas pelagens começaram a endurecer. Os olhos antes prateados agora estavam cinzas. Haviam virado pedra. O alfa foi uma das exceções, um dos 5 lobos a continuarem normais.


----------♦ ----------


- Então vocês são os medrosos – disse uma voz rouca que poderia vir de algum lugar dentro da casa ou poderia estar repercutindo nas mentes de Zachary, Emily e Sebastian. O som foi suficiente para chamar a atenção do trio. O bater de asas dos morcegos parou ao mesmo tempo que uma lufada de ar passou pelos garotos. Algo quente caiu do teto, um líquido viscoso cuja cor não podia ser identificada devida a escuridão. Segundos depois dezenas de morcegos foram abaixo, sem suas cabeças. Seu sangue sujou tudo ao redor, inclusive os semideuses.
- Não deveriam ter vindo até aqui – continuou aquela voz.


Dicas/Esclarecimentos:
1- Busquem fazer um texto mais correto e organizado. Evitem ao máximo a repetição de palavras, parágrafos de uma linha, perda do nexo.
2- Fiquem atentos aos seus movimentos. Em batalha tudo está em constante movimento, por isso o risco de atingir um aliado é alto.
3- Não narrem ações concretas. Narrar algo que foge do seu controle, como a ação de outros indivíduos ou suas próprias ações de forma que dê a entender que deram certo é um erro. O julgamento do certo ou errado quanto à batalha ou o que ocorre no ambiente fica a cargo do narrador.
4- Cuidado com seus poderes. Não ficarei discontando vida ou energia a cada rodada por que é desnecessário nessa missão. Mas isso não significa que não olharei o lado lógico do uso de seus poderes. Sempre visarem a forma mais provável do seu uso.
5- Usem parágrafos.
6- Sejam mais claros quanto às suas emoções. Esse é um ponto onde não tenho poder de decisão, vocês podem sentir o que quiserem sem limites, não tenham medo de descreve o sentimento de seus personagens.
Obs: vocês não estão indo tão mal, mas prestem atenção nos pontos que coloquei acima e verão uma grande diferença.
Para quem já postou:
- Sejam coerentes, detalhem cada ação e sejam organizados.
- Evitem detalhes ou descrições que não lhes dei, como nos posts anteriores.
- Quem ficou para lutar, deve se resumir ao que foi descrito com relação ao resultado de suas ações. O mesmo é válido para quem correu para a casa.
Para quem não postou:
- jogadores que haviam se inscrito mas não postaram não podem mais participar.
Prazo:
- Até as 12 horas do dia 18/06. O próximo prazo vai das 13 horas até as 18:20.
♣ Temos o destino que merecemos. O nosso destino está de acordo com os nossos méritos ♣ (Albert Einstein)
avatar
Administrador
Admin

Mensagens : 205
Data de inscrição : 24/12/2012

Ficha do personagem
Level: 1
Energia:
100/100  (100/100)
HP:
100/100  (100/100)

http://pjoonline.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The House of Death

Mensagem por Emily Brown em Ter Jun 17, 2014 5:50 pm

We will fight to the death


To the edge of the earth...

Antes que qualquer um dos dois semideuses que acompanhavam Emily pudesse responder-lhe ou qualquer outra coisa, uma voz soou por todo o lugar, pegando a loura desprevenida. Ela olhou para os lados, com uma mão sobre o coração, procurando a pessoa que os chamara de medrosos, mas nada encontrou, o que a fez crer que, talvez, a voz estivesse em sua cabeça, e não no ambiente a seu redor, ate mesmo pensara que fora a unica a ouvi-la, mas a expressão de confusão nos rostos de Zachary e Sebastian denunciavam que ouviram o mesmo que ela.

- Não somos medrosos, e sim corajosos o suficiente para vir averiguar o que encontraríamos dentro da casa - Rebateu teimosamente, apenas para si mesma, num mover silencioso dos lábios.

Antes que conseguisse pensar em outra coisa, sentiu algo quente e viscoso cair em sua pele, direto do teto, a escuridão dentro da casa não lhe permitia enxergar qual a cor e nem de onde provinha aquilo, mas o cheiro sim. Com um gemido esganiçado, entendeu que aquilo era sangue, segundos antes de ser atingida por uma coisa dura, que, ao estreitar os olhos, reconheceu como sendo a cabeça dos morcegos que antes batiam suas asas.

- Não deveriam ter vindo até aqui –  Complementou a voz.

Emily recuou alguns passos, pela primeira vez, naquela missão, a garota teve realmente medo, daqueles que te paralisa e impossibilita de pensar direito, a não ser que queira pensar em como sera sua morte em seguida, ou em quantos modos e por quanto tempo poderiam te torturar antes de matar. Com certeza, o dono daquela voz não estava ali para brincadeira, e nem queria os semideuses naquela casa, ao contrario do que a loura pensou inicialmente - Que os lobos estão ali para atrai-los para dentro da mansão abandonada -, isso a fez tremer dos pés a cabeça, mas, nem mesmo diante o medo, iria desistir da missão e muito menos abriria mão de descobrir os segredos que aquelas paredes escondiam.
Armas:
Arco de Madeira Encantada – resistente, com alcance de 700 metros. [Classe Livre]

Espada Sonífera: espada de bronze banhada com um veneno especial. Um corte basta para contaminar o ferimento, o que causa sonolência no alvo (faz az perícias da vítima caírem pela metade por 3 rodada). O veneno só funciona uma vez por batalha. [Classe D]

Ambrósia {Recupera 30 HP} [Classe Livre]

#Aljava com 100 flechas de bronze Envenenadas [Classe D]

Armadura Cristalina: um colar com um pingente em forma de cristal de gelo. Quando acionado faz com que uma fina camada de gelo recubra o usuário formando uma armadura completa.[Classe C]

Adagas de Gelo: par de adagas feitas de diamante. Um simples corte pode congelar o local por uma rodada. Se o ferimento é profundo causa hipotermia imediata no alvo, o tirando de combate.[Classe C]



▲▼

------------------------------------- PercyJackson -------------------------------------

and how you liked to aggravate
ON RAINY AFTERNOONS
thanks to Larissa
avatar
Emily Brown
Monitores
Monitores

Mensagens : 88
Data de inscrição : 20/02/2013
Idade : 22

Ficha do personagem
Level: 20
Energia:
290/290  (290/290)
HP:
290/290  (290/290)

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The House of Death

Mensagem por Zachary A. Howard em Ter Jun 17, 2014 6:02 pm



Every other day to start

MISSÃO SECRETA • NOT A BAD THING


Zach estava concentrado, prestava atenção em tudo. Em todos os detalhes, no mínimo barulho, tudo o deixava atentado. Um calafrio percorreu a sua espinha e o fez apertar firmemente o cabo da espada, ele estava sentindo que algo se aproximava. Uma voz irrompeu seus pensamentos, e o fez ficar alerta a tudo. Ele tentou identificar de onde vinha o som, aumentando a sua capacidade auditiva e achar o autor daquela fala. O semideus sorriu de canto, se tinha algo que ele sabia fazer era sem dúvida provocar, com um riso debochado o filho de macária respondeu com um tom irônico.
— ... disse o cara que se esconde do lado de dentro da mansão, enquanto a luta estava ali fora. Se você estivesse lá, não teríamos que entrar aqui para te puxar para o lado de fora. E além de tudo isso, o "corajoso" aí não consegue dizer quem é, e tem medo até mostrar a sua face e depois de tudo isso você tem que ser muito audacioso para dizer isso. — sorri debochadamente, continuando com um tom mais baixo. — ou burro...


O lado ruim de ser o provocador era que a atenção toda ia se voltar para você, ou seja, um monstro raivoso e sanguinário todinho pra você. Enquanto falava, o meio-sangue sentiu algo cair nele, um líquido. Com a sua mão livre, ele examinou o líquido tentando identificar o que era pelo tato. Por um momento ouve-se diversos baques no chão, não pude. Graças a sua visão noturna, ele pôde ver o que causara esses baques. Morcegos, todos sem cabeça espalhados pelo chão. O sangue deles espirraram por toda a camisa do filho da boa morte, o que foi sem dúvida algo muito nojento queria soltar um palavrão, mas ele se manteve quieto, atento. Por enquanto, o semideus não buscava o ataque, buscava apenas ficar atento e saber quem era aquele ser. O seu olhar pairou para os dos semideus, fitando as expressões deles, parecia que só Zach e Sebastian conseguiam enxergar naquela escuridão, o que era um problema. Ele se aproximou da garota, observando o cenário tentando encontrá-lo, aquele que agora detinha toda a sua atenção e a dos semideuses.

— Quem é você? — repetiu pela última vez o semideus.


A sua expressão estava neutra. Ele não sentia medo naquele momento, o único sentimento vivo naquele momento era o de preocupação com os semideuses do lado de fora e os que estava do lado de dentro. Ele tinha que dar algum jeito de derrotar aquele ser, quem sabe assim não acabaria com os lobos como consequência. A prole da boa morte teve uma vaga ideia de quem poderia ser o seu adversário naquela missão, e rezou aos deuses para que estivesse errado.


Equipamentos Levados:
♠ Excalibur: espada de ouro celestial com joias cravejadas. Sua cor dourada assemelha-se com o fogo, elemento que envolve a lâmina em batalha. O metal foi forjado nas chamas da lareira de Héstia e possui a benção da deusa, tornando-se assim uma arma quase indestrutível, extremamente leve e capaz de cortar até diamante, se a fé do cavaleiro for grande. [Cavaleiro Nômade – Cavaleiro de Héstia]
♠ Armadura romana
♠ Elmo Vermelho
♠ Desert Eagle - Uma pistola feita de puro ferro estígio. Possui balas de ferro estígio ilimitadas. (Indestrutível) {by: Circe}
♠ Foice/Espada do Perdão: feita de ferro estígio, quando foice seu cabo armazena um cristal roxo que emite um brilho infinito, na forma de espada o cristal fica na base da empunhadura. [Classe Livre]
Poderes Passivos
:
♠ Aura da Boa Morte I – Meus filhos têm o poder de intimidar qualquer monstro ou semideus, de nível mais fraco ou semelhante desde que não seja proveniente do submundo.
♠ Perícia com espadas II – Meus filhos já sabem fazer movimentos melhores com a espada.
♠ Visão Noturna – Por terem origens ligadas ao submundo que é um local escuro sua visão a noite é perfeita, podendo enxergar como se fosse dia.
♠ Calma: Nunca perderão o controle durante uma batalha, permanecendo calmos e podendo fazer o mesmo com um aliado.
♠ Redução de Danos - Os danos realizados contra meus filhos na escuridão serão diminuídos.
♠ Audição Aguçada - Consegue escutar todo e qualquer ruído. Tanto desse plano como o plano dos mortos.


• Coded by: IG & SA •

------------------------------------- PercyJackson -------------------------------------


avatar
Zachary A. Howard
Cavaleiros de Héstia
Cavaleiros de Héstia

Mensagens : 100
Data de inscrição : 24/12/2012

Ficha do personagem
Level: 13
Energia:
220/220  (220/220)
HP:
220/220  (220/220)

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The House of Death

Mensagem por Frederico H. Fray em Ter Jun 17, 2014 7:04 pm




Missão Secreta



Vibrei de emoção finalmente algo tinha dado certo os lobos ficaram petrificado, bem nem todos, mas já era de bom grado. Voando ainda veio em minha mente uma ideia, louca, mas que poderia da certo. Pego em minha mochila uma pequena boneca feia de pele e pano, em algumas regiões esse tipo de atividade é considerado magia da trevas ou negras, Vudo, Voodo ou azaração essa boneca tem o poder de tomar a forma do ser que for e o mesmo sofrerá os danos a minha escolha.

Recito o nome dos lobos de pedra e a vejo ficar da forma deles, um pequeno lobo de coloração de barro. Sorrio e agarro com toda a força a boneca apertando, a intenção era explodir as estatuas por completo como se fossem bonecos de areia.




Habilidade:
Nível 14, Ritualista [Avançado]: Agora os filhos de Hécate podem criar mais um ritual, complexo e amplo como ele quiser — desde que não ultrapasse os limites de seu nível.

Ritual:
Obs: Se quiser traduzir o ritual tente do latim


Armas & Mascote:

- Isqueiro mágico: Contém fogo grego é só responde aos comandos de Fred. Além de se transformar em uma espada de ouro com a lâmina envolta em chamas. Sempre te leva de volta para casa. [by: Héstia]
Asas de Querubim: São asas composta por 6 pares elas aparecem quando o Dono estiver precisando muito e voaram sem se quer cansar[By Hermes ^^]

Executadora de Demônios:Capaz de desintegrar objetos com o toque, drenar o sangue da vítima e enfraquecê-la apenas deixando à mostra a grande cruz no topo da lâmina.[By Hermes]
ʤ CJ7 – Pingente que possui as seguintes funções: ao ser acionado me permite falar com qualquer pessoa o seu onde ela esteja, me teleportar para qualquer lugar sem gasto de energia e retirar a energia de um lugar para meus fins pessoas, como reabastecer a energia perdida do pingente. [By: Frederico]
Boneca Vudo 2: Uma boneca feita de pura irá e maldade agora a mesma não é preciso ter raiva para manipular uma pessoa basta recitar o nome e a mesma toma a forma do ser (Animal, Humano ou Alma) assim torturando de formas diferente até podendo (Na vontade do narrador) levar  a morte.
Cajado do ar- Cajado de prata divina que pode assumir o tamanho que quiser, entre dez centímetros e dois metros. Ele é indestrutível e pode lançar fortes rajadas de vento.
✖Cartola do Mágico: Cartola negra de Cetim, é só Desejar, o que quiser o Semideus dê lá tirará, inclusive facas, punhais e objetos do tipo (menos armas de grande porte ou outro item mágico). Também poderá servir para armazenar itens do semideus.[Opcional]
Nome: Godofredo Raça: Dragão (Gelo) Sexo: Masculino Level: 10 observações (opcional): Tem as escamas feitas de puro cristal de gelo (Não gelo cristal de gelo)
Template by @Cassie for Vinik
avatar
Frederico H. Fray
Monitores
Monitores

Mensagens : 210
Data de inscrição : 13/02/2013
Idade : 24
Localização : Não é da sua conta.

Ficha do personagem
Level: 32
Energia:
410/410  (410/410)
HP:
410/410  (410/410)

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The House of Death

Mensagem por Ryan C. Black em Ter Jun 17, 2014 7:19 pm

Fiz um facepalm rapidamente, deixando minha mão entre aberta para observar os lobos me cercando. Suspirei logo em seguida. Porque nada que eu fazia dava certo?

Respirei fundo e concentrei minha energia, fazendo sinal para que Marcus se aproximasse, pois eu talvez precisaria dele. Logo, comecei a lançar jatos imultâneos nos lobos, com força e velocidade. Aquele poder tirava um pouco de minhas energias, mas não eram muita.

Logo em seguida, ainda com minha espada em mãos e meu escudo preparado para me defender, gritei para meu Spark e Flash.

- Atrás do alfa! Irritem ele! Mantenham-no ocupado! E não se machuquem, usem sua velocidade! - Meus animais responderam acenando positivamente e logo, começaram a aparecer e reaparecer de diferentes lados, atacando o lobo alfa com suas garras fortes e afiadas, e sua vantagem da super velocidade. - Flash, faça uma coisa! Agarre o lobo alfa e voe na velocidade da luz por 5 segundos em linha reta! E logo depois, jogue o lobo de volta para cá!

O grifo assentiu e se preparou para fazer aquilo. Se ele fizesse com sucesso, ele daria 35 voltas pelo planeta inteiro. Isso com certeza afetaria o lobo, afinal, aquele poder, aquela velocidade seria demais para ele, mas Flash era acostumado. Logo em seguida que ele fizesse isso, ele lançaria o lobo com força no chão, claro, do lugar que estávamos, e eu estaria pronto para ataca-lo.

Meu coração estava acelerado e eu suava muito. Aquela ordem que eu havia dado era muito arriscada para meus mascotes. Não sabia o que o lobo alfa poderia fazer contra eles, ou se tinha mais algo para nos confrontar. Mas era o melhor a se fazer naquela hora, a única coisa.

Mas se algo muito ruim acontecesse com Spark, Flash ou Marcus. Eu não me perdoaria.



Poderes e Mascotes:


FLASH - UM GRIFO TOTALMENTE PRETO COM AS PONTAS DAS ASAS DOURADAS, PODE VOAR NA VELOCIDADE DA LUZ. AO ANOITECER FICA QUASE INVISIVEL. SEU DONO NÃO SOFRE AS PRESSÕES OU QUALQUER COISA CRIADA OU CAUSADA QUANDO ESTE VOA. CRESE E GANHA NIVEL JUNTO AO SEMIDEUS. (LEVEL 22 310/310)

♠ SPARK - UM TIGRE DENTE DE SABRE COM PELOS BRANCOS COM LISTRAS MARRONS. TEM SUPER VELOCIDADE E TEM O TAMANHO DE UM CAVALO, SERVINDO COMO MONTARIA PARA O SEMIDEUS. SUAS GARRAS SÃO DE PRATA E CORTAM COMO ADAGAS. DIFICILMENTE SE CANSA, E É OBEDIENTE. RESISTE A ATAQUES COM MAIS 40% DE FORÇA. EM BATALHA, SEU ATAQUE CORRESPONDE A 30% A MAIS DE FORÇA DO QUE UM MASCOTE NORMAL. O SEMIDEUS TEM SINCRONIA COM O ANIMAL, E NÃO SOFRE PRESSÃO DO AR QUANDO O TIGRE ATIVAR SUA SUPER VELOCIDADE.[BY: QUIONE/ RECOMPENSA MISSÃO]

Jato D'água - Pode lançar jatos de água poderosos contra o oponente, fortes o bastante para derruba-lo. [-20MP]


Última edição por Ryan C. Black em Ter Jun 17, 2014 8:16 pm, editado 2 vez(es)

------------------------------------- PercyJackson -------------------------------------

Ryan C. Black
avatar
Ryan C. Black
Monitores
Monitores

Mensagens : 88
Data de inscrição : 17/10/2013

Ficha do personagem
Level: 19
Energia:
280/280  (280/280)
HP:
280/280  (280/280)

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The House of Death

Mensagem por Carol Angel em Ter Jun 17, 2014 7:25 pm

Eu já estava ficando cansada, o suor escorria pelo meus rosto. E os lobos não paravam de chegar. Até que então, algo inusitado aconteceu. Os lobos começaram a ficar mais lentos e com um passe de mágica, viraram pedra.

Comemorei deixando escapar um "Isso!". Olhei de canto para Fred, isso tinha a cara dele. Sorri ao vê-lo feliz por seu golpe ter dado certo após tantos em vão. Não eram todos os lobos que tinha ficado petrificados, mas era bem mais que a metade. E isso, era um grande pregresso em nossa luta. Porém, eu sabia que não ia durar tanto. Então, nada de desperdiçar esse golpe de sorte.

Com um acenar de mão, mandei as minhas clones embora. O trabalho delas já tinha acabado, por enquanto. Então tive uma ideia louca.

Subi no dragão do Fred e pedi para ele voar baixo e tentar congelar os poucos lobos que sobraram. Sim, ele é um dragão que cospe gelo.
Assim que ele decolou, ficou dando voltas e mais voltas pelos lobos. Aproveitei a situação e decidi utilizar um poder cedido a mim por Chronos.

Fechei os olhos e respirando fundo, me concentrei na minha energia interior. Assim que eu estava bem concentrada, utilizei essa energia para fazer uma esfera prateada. Peguei a esfera nas mãos e pedi para o dragão diminuir a velocidade. De alguma forma ele me entendeu.
Mirei na cabeça de um lobo de pedra e atirei aquela esfera de energia, afim de fazer a mesma explodir junto com o lobo.

O dragão continuava dando voltas. E a cada volta, enquanto ele ia soltando gelo nos lobos ainda "normais", eu atirava essa energia nos lobos de pedra.

poder:
Esferas de Energia II – canalizando sua energia interior poderá fazer até 4 esferas de coloração prateada. Quando tocam o alvo causam uma explosão equivalente à de uma dinamite. [menos -10 de energia por uso]
 

 

 



------------------------------------- PercyJackson -------------------------------------

Carol Angel
Filha de Apolo* 17 anos*Líder do chalé 7* Senhora do Tempo*Fred meu Bobo ♥️  Lovatic*Selenator*Smiler

Se você seguir seu coração, a vida é como uma obra de arte. - Demi Lovato
avatar
Carol Angel
Instrutores
Instrutores

Mensagens : 206
Data de inscrição : 24/12/2012
Idade : 19
Localização : in La La Land

Ficha do personagem
Level: 19
Energia:
280/280  (280/280)
HP:
280/280  (280/280)

http://ameninadiferent.tumblr.com/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The House of Death

Mensagem por Kyros A. Weisen em Ter Jun 17, 2014 8:52 pm

Os lobos congelaram ao redor de Jäger, em um movimento ele quebrou todas as estatuas e foi até mim, mostrando que estava bem, mas eu não ia arriscar perder meu dragão novamente

- Ei amigão, você fica! – ele me olhou curioso enquanto eu fechava os olhos tentando me concentrar, e então bati as mãos e as deixando juntas, cinco corujas mecânicas enormes apareceram, e esperaram atentamente meu sinal. Eu não sabia oque fazer, de um lado, devia acabar com as estatuas antes que voltassem a vida, por outro, devia matar todos os lobos restantes, estava incerto quanto ao que fazer, mas tomei minha decisão – quero que vocês acabem com as estatuas, e rápido! – e então elas voaram para todos os lados tentando destruir o máximo de estatuas possível, o dragão ficou me olhando com seus olhos felinos esperando alguma ordem, as estatuas eram grandes mas as corujas deviam dar cabo delas, meu dragão logo quis ajudar, derrubando mais três delas e me olhando esperando uma recompensa – bom garoto! – Por um segundo me esqueci de tudo a nossa volta, por um segundo. Olhei para o lobo alfa preocupado. Ele não estava nos atacando, nem comandando, ele só estava lá, esperando algo. Nos estudava como as presas que eramos, o comportamento dele e o de Jäger caçando era muito parecido, ambos olhavam em volta procurando a presa mais distraída ou frágil para atacar, estudando os pontos fracos e fortes do bando em si. Eu podia acabar com aquele cara... mas eu devia fazer isso agora? Estava cheio de duvidas sem saber ao certo oque eu devia fazer quando vi os outros quatro lobos que não estavam congelados, estava pensando em alguma forma de acabar com eles, talvez eu devesse montar no dragão e usar artilharia aérea.

- amigão, você consegue voar? –ele fez um sinal positivo e esticou as asas esperando que eu montasse nele, mas eu não faria isso – ótimo, qualquer coisa fuja daqui ok? Não me ajude se tiver riscos ok? – ele pareceu relutante nessa parte, me olhando com seus grandes olhos azuis mostrando confusão, fechei meus olhos mais uma vez, agora liberando minhas energias, uma aurea dourada circulou meu corpo, enquanto eu rezava mentalmente para minha benção ter efeito. Ela me deixaria tão rápido e forte quanto o inimigo, enquanto a aurea dourada me deixaria mais forte, e então avancei para o lobo mais proximo. Era arriscado fazer um ataque daquela forma, sem formular qualquer estratégia antes, mas eu tinha que acabar com ele antes que pudesse ferir qualquer um dos meus amigos . tentei acertar a espada em seu dorso, tomando cuidado com suas garras afiadas e seus dentes pontiagudos. Ele era o dobro de um lobo cinzento comum, ou seja, do tamanho de um cavalo, lobos possuíam olfato muito apurado, assim como a audição, então como pode perceber eu não iria pega-lo de surpresa. Tentei rapidamente acertar sua cara com as espadas, e então me afastei dele. O olhei nos olhos por um segundo e com a espada de bronze tentei acertar seu pescoço. Uma das corujas estava por perto e com suas garras tentou rasgar as costas do lobo, enquanto eu acertava sua cabeça e patas dianteiras, com um ultimo movimento tentei perfurar seu crânio com a espada, então fui até onde o meu dragão estava e fiquei em posição defensiva.

------------------------------------- PercyJackson -------------------------------------

“Aquele que combate monstros deve tomar cuidado para que ele mesmo não se torne um. E, se olhar muito tempo para o abismo, o abismo te encara de volta.” – Freud Niëtzche

Kyros A. Weisen
Monitores
Monitores

Mensagens : 125
Data de inscrição : 16/10/2013

Ficha do personagem
Level: 15
Energia:
240/240  (240/240)
HP:
240/240  (240/240)

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The House of Death

Mensagem por Sebastian Verlac Lahey em Ter Jun 17, 2014 11:48 pm



My Immortal
There's just too much that time cannot erase
 


Esperar ver algo, alguém ou talvez marcas sobre mais pistas de quem passou destruindo partes da casa, mas uma voz rouca não era nenhuma das minhas hipóteses que eu pensei. Inicialmente nos chamou de medrosos o que em parte era verdade, olhando de uma forma abrangente com o que sabia até o momento, mas não fora essa a real intenção de entrar na casa a princípio.

Não sabia se a voz estava na minha cabeça, se estava pelo local que significaria que alguém deveria ser a origem, ou então o pior, nós estávamos na origem da voz que era a casa. Mas não identifiquei se era a mesma voz de antes, porque a de antes parecia de duas pessoas falando juntos, um homem e uma mulher talvez, já essa só consegui perceber que era rouca. Não pude me focar meus pensamentos na voz porque os bateres de asas de morcegos pararam e em seguida senti uma lufada de ar com os outros dois.

O que me veio à realidade que não era só eu que estava ali porque a falta de costume de missão conjunta até me faz esquecer como é isso. Um líquido viscoso cai do teto, mas não deu pra ver a cor então tentei usar minha visão noturna para ver o líquido e em seguida olhar o teto pronto para um ataque dependendo da origem do líquido. Sem dar tempo de tentar se proteger, vários morcegos caíram sem suas cabeças sujando tudo inclusive eu, Emily e o semideus loiro.

Pra terminar os sustos, a voz fala que não deveríamos estar aqui, não fora muito gentil e os dois estavam respondendo a voz com uma nova resposta e outra pergunta. Ela não parecia nada amigável com esses morcegos sem cabeça caindo do teto que me fazia pensei que ou a criatura estava nas sombras ou era bem rápida e silenciosa. Na verdade a parte da criatura ser silenciosa é relativo, porque se você mora no lugar, com certeza vai conhecer ele melhor do que um recém chegado.

Imaginei alguma coisa carnívora, meio humana e com o corpo dividido entre humano e monstro como a Kampe que é meio mulher e meio dragão. Mas é claro que não tinha visto nada ainda, mas não quer dizer para parar de tentar e olhei para os lados e o teto procurando, ficando de costas para Emily e o loiro. Porque ele também poderia ter visão noturna e isso poderia o ajudar assim como contava que ajudasse a achar alguma pista ou a origem da voz por exemplo.

Armas:
✷Espada do Espectro: espada com aparência envelhecida, feita de bronze celestial negro. Quando mata o inimigo faz seu corpo virar cinzas. [Classe Livre]

✷Bracelete de Espinhos: faz um tipo de arame farpado sair dele e se estender por até metros. [Classe Livre]

• Capa Branca - Pode ficar invisível, intangível e sem cheiro.[Classe Livre]

Água curativa { Um pequeno frasco que contém uma poção. Tal poção é uma água curativa, quando o semideus a ingeri cura alguns de seus ferimentos e eleva sua energia} {Recupera 30 de HP e Energia} { A poção acaba após cinco vezes de uso} [0/5] [Classe Livre]

Poderes Usados:
• Visão - É capaz de enxergar tão bem no escuro total quando enxerga no claro.

Mascotes:
Niklaus [Corvo / Macho] Pelo preto e um pouco maior que os corvos normais, possui olhos vermelhos vivos que um certo medo para quem olha pelo olhar assassino que a ave tem. Garras grandes e afiadas como se fossem próprias para o ataque e eram mesmo, suas penas tão escuras que de noite mal se via a ave no céu. Obedece apenas a Sebastian e tem um senso protetor e assassino para proteger ao dono. [Nível: 6][Exp: 0 0 100][HP: 100 / 100][Energia: 100 / 100]

Pégasos bialado Viserion - Um pégaso que possui dois pares de asas brancas lhe permitindo voar duas vezes mais rápido, sua coloração é caramelo, sua crina e rabo são feitos de fios luminosos, possui um senso de direção incrível e nunca se perde. Nível 15. Sexo: Masculino. [Hermes]


COM: Alguém ONDE: Aqui VESTINDO: Isso POST: 000

@Lilah

------------------------------------- PercyJackson -------------------------------------

Sebastian Verlac Lahey
your worst nightmare


thanks thay vengeance @ cupcake graphics
avatar
Sebastian Verlac Lahey
Monitores
Monitores

Mensagens : 54
Data de inscrição : 02/12/2013
Idade : 22

Ficha do personagem
Level: 16
Energia:
250/250  (250/250)
HP:
250/250  (250/250)

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The House of Death

Mensagem por Administrador em Qua Jun 18, 2014 5:40 pm

The House of Death - 7ª Rodada
O trio estava em apuros, isso não podia ser negado. O sangue de dezenas de morcegos agora marcava os garotos, a voz misteriosa ainda não tivera seu dono revelado. O filho de Macária assim como a Filha de Quione não se contiveram, simplesmente falaram o que lhes veio à cabeça. Emily estava ainda mais assustada, Sebastian permanecia atento, varrendo o lugar com os olhos atrás da criatura que falava e Zachary o provocava.

- Quem sou eu? Do que lhes interessa? Tens tanto medo de morrer sem saber quem lhe ceifo a vida? – outra lufada de ar passou pelos semideuses, o som de passos rápidos ecoou pela sala – Se não tivessem medo teriam ficado lá fora para ajudar seus amigos. Só entraram aqui para se livrar dos Licantropos – uma gargalhada estridente pode ser ouvida.


----------♦ ----------


A filha de Apolo não hesitou. Com os lobos transformados em pedra – pelo menos a maioria -  ela colocou em ação uma segunda tática. Sem as clones subiu no dragão e ordenou que congelasse as criaturas restantes. Ainda com seus próprios poderes tentou destruir algumas das estátuas e muitas vezes conseguiu.

Ryan parecia frustrado, tanto que passou a usar seus mascotes. Cada um deles atacou os lobos como o filho de Poseidon ordenou, parecia uma boa tática, na teoria. Ao redor dos lobos um tipo de escudo surgiu, os mascotes o acertaram e uma explosão luminosa afastou os animais de Ryan, todos inconscientes. O mesmo havia acontecido com as corujas que atacavam os lobos ainda não afetados, e até mesmo com o dragão de Connie, que antes havia sido ferido. Agora o réptil estava inconsciente, assim como seu dono que sofrera a queda.

Frederico tentava novamente usar sua magia, agora falha contra os lobos. A maldição da boneca não surtiu efeito algum sobre as criaturas petrificadas. Os restantes cercaram o alfa, como se esperassem uma ordem ou algo do tipo, este por sua vez apenas encarava os semideuses com seus grandiosos olhos vermelhos. Sua boca abriu-se lentamente e então ele uivou. O som parecia completamente diferente de um uivo comum.

O som gerou ondas de impacto que faiam as árvores balançarem, a cabeça dos semideuses passou a doer ferozmente, impossibilitando qualquer reação por parte deles, era como se estivessem paralisados. Os impulsos sonoros bloqueavam cada músculo de seus alvos. O uivo era duradouro e parecia não ter fim, como se o fôlego do lobo fosse infinito. Caro, inclusive, caiu de cima do dragão. Os corpos dos semideuses se contorciam em resposta à dor. A filha de Apolo, assim como o filho de Atena, estava desacordada. Ryan perderá muita energia, assim como Frederico. Todos estavam em seu limite.



Dicas/Esclarecimentos:
1- Busquem fazer um texto mais correto e organizado. Evitem ao máximo a repetição de palavras, parágrafos de uma linha, perda do nexo.
2- Fiquem atentos aos seus movimentos. Em batalha tudo está em constante movimento, por isso o risco de atingir um aliado é alto.
3- Não narrem ações concretas. Narrar algo que foge do seu controle, como a ação de outros indivíduos ou suas próprias ações de forma que dê a entender que deram certo é um erro. O julgamento do certo ou errado quanto à batalha ou o que ocorre no ambiente fica a cargo do narrador.
4- Cuidado com seus poderes. Não ficarei discontando vida ou energia a cada rodada por que é desnecessário nessa missão. Mas isso não significa que não olharei o lado lógico do uso de seus poderes. Sempre visarem a forma mais provável do seu uso.
5- Usem parágrafos.
6- Sejam mais claros quanto às suas emoções. Esse é um ponto onde não tenho poder de decisão, vocês podem sentir o que quiserem sem limites, não tenham medo de descreve o sentimento de seus personagens.
Obs: vocês não estão indo tão mal, mas prestem atenção nos pontos que coloquei acima e verão uma grande diferença.
Para quem já postou:
- Sejam coerentes, detalhem cada ação e sejam organizados.
- Evitem detalhes ou descrições que não lhes dei, como nos posts anteriores.
- Quem ficou para lutar, deve se resumir ao que foi descrito com relação ao resultado de suas ações. O mesmo é válido para quem correu para a casa.
Para quem não postou:
- jogadores que haviam se inscrito mas não postaram não podem mais participar.
Prazo:
- Até as 23:20. P´roxima rodada começa as 00:30 até as 11 horas do dia seguinte.
♣ Temos o destino que merecemos. O nosso destino está de acordo com os nossos méritos ♣ (Albert Einstein)
avatar
Administrador
Admin

Mensagens : 205
Data de inscrição : 24/12/2012

Ficha do personagem
Level: 1
Energia:
100/100  (100/100)
HP:
100/100  (100/100)

http://pjoonline.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The House of Death

Mensagem por Ryan C. Black em Qua Jun 18, 2014 6:55 pm

Observei meus mascotes caírem desmaiados após atacarem os lobos. Sendo que eu havia mandado eles atacarem O lobo alfa. Menos, Marcus. Ele não havia atacado ninguém e naquele momento, ele começou a encolher, ficando em um tamanho que não conseguia vê-lo. Ele iria fazer aquilo para se proteger, como se soubesse que o pior estava por vir. Naquele momento, minha raiva aumentou. Mas eu não pude fazer nada com aquele sentimento. Pois no momento seguinte, o lobo alfa começou a uivar. Um uivo forte e aparentemente, sem fim. Meus ouvidos doíam e eu rapidamente estava caído no chão, me contorcendo de dor.

Minha energia estava baixa, e eu sabia que se tentasse mais alguma coisa, eu desmaiaria. Mas, eu poderia me sacrificar, pelos meus amigos. Ou, tentar, ajuda-los. E era isso que eu iria fazer.

Ainda caído no chão, utilizei minha mente para tentar criar um terremoto. Eu sabia que seria difícil com todo aquele som atrapalhando meus pensamentos, mas eu tinha de tentar. Aquele terremoto poderia ajudar a dar a nós, uma chance. Ou a Fred, porque ele era o único ainda em pé.

E porfim, continuei tentando criar o pequeno terremoto que faria o lobo alfa perder o equílibro, e se tivessemos sorte, fazer ele parar de uivar. Não afetaria os semideuses, porque todos estavam caídos no chão, e ninguém perde o equílibrio enquanto está sentado.

E logo após tentar aquele golpe, fechei os olhos, esperando que eu desmaiasse com a falta de energia. Mas antes, eu observei algo passar pelos meus olhos e aparentemente, acenar para mim, e sair voando rumo ao Alfa. Era Marcus, pronto para tentar distrair o lobo, arranhando seu corpo com seu tamanho pequeno, ou fazendo qualquer outra coisa que pudesse ajudar.

Poder e Mascote:

Nível 15
Senhor dos terremotos I – Você cria um pequeno tremor usando a força da sua mente, ele apenas faz o oponente perder o equilíbrio. [-30MP]

MARCUS: UM GRIFO NEGRO COM SANGUE DO PRÓPRIO TÁRTARO (FILHO DO GRIFO SERVIDOR A ELE) COMO SEU IRMÃO GÊMEO ARTORIUS É TODO PRETO FICANDO INVISÍVEL A ESCURIDÃO, PODE ALTERAR SEU TAMANHO E NUNCA ABANDONA O DONO MESMO QUE ELE QUEIRA. POSSUI UM VENENO QUE MATA EM ATÉ 24H CUJO A ÚNICA CURA É O FLEGORONTE.

------------------------------------- PercyJackson -------------------------------------

Ryan C. Black
avatar
Ryan C. Black
Monitores
Monitores

Mensagens : 88
Data de inscrição : 17/10/2013

Ficha do personagem
Level: 19
Energia:
280/280  (280/280)
HP:
280/280  (280/280)

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The House of Death

Mensagem por Carol Angel em Qua Jun 18, 2014 7:00 pm

Meu plano havia dado certo, eu tinha conseguido acabar com alguns lobos de pedras. Cheguei até a comemorar, acariciando o dragão. Porém, foi cedo de mais.

Lá do alto, vi que os mascotes também atacavam os lobos, mas um tipo de barreira mágica luminosa apareceu  e então os animais ficaram inconscientes. Olhei para o lobo Alfa, ele continuava na dele, observando com os seus olhos vermelhos de dar medo. Os outros que não foram afetados pela magia de Fred se agruparam perto de seu líder.
Meu "sexto sentido" dizia que havia algo errado. Pedi para o dragão descer um pouco, para eu poder ver melhor o que estava acontecendo lá em baixo. Foi ai que tudo deu errado.

E pela primeira vez o alfa fez alguma coisa contra nós, ele uivou. Mas era um uivo sobrenatural. As árvores balançavam e eu me agarrei no dragão.  Ele soltava uma onda sonora tão forte que me deu dor de cabeça. No incio era fraca, só que foi aumentando e aumentando. Eu estava ficando imobilizada, não consegui mover nem um músculo  sequer.  Nem gritar eu conseguia, e isso estava me dando medo.  Sera que é isso que os meus adversários sentem quando eu uso o meu poder que é parecido com esse, só que mais fraco?

Então a fraca aqui não conseguiu ficar mais em cima do animal e cai com tudo no chão. Eu não estava em uma altura muito alta, graças aos deuses. Porém, eu já estava desgastada, sem energia e para ajudar não havia sol para me ajudar. Tentei alcançar o meu bolso, mas eu ainda não conseguia me mexer. Olhei para o céu e tudo estava ficando embaçado, escuro. Eu não conseguia ver mais nada e só ouvia ainda o uivo do lobo estranho que não parecia ter fim. Ai como eu queria ter um folego assim para cantar. Depois desse pensamento, fiquei totalmente desacordada.  






------------------------------------- PercyJackson -------------------------------------

Carol Angel
Filha de Apolo* 17 anos*Líder do chalé 7* Senhora do Tempo*Fred meu Bobo ♥️  Lovatic*Selenator*Smiler

Se você seguir seu coração, a vida é como uma obra de arte. - Demi Lovato
avatar
Carol Angel
Instrutores
Instrutores

Mensagens : 206
Data de inscrição : 24/12/2012
Idade : 19
Localização : in La La Land

Ficha do personagem
Level: 19
Energia:
280/280  (280/280)
HP:
280/280  (280/280)

http://ameninadiferent.tumblr.com/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The House of Death

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 2 de 5 Anterior  1, 2, 3, 4, 5  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum