Um desafio? ( Missão- Rafael Maximus)

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Um desafio? ( Missão- Rafael Maximus)

Mensagem por Nathan F. Rashid em Qui Abr 24, 2014 10:39 pm



O Despertar...



O céu amanheceu nublado e deixava claro que uma forte chuva iria assolar o acampamento. Todos ainda dormiam quando uma carta nada convencional pairou sobre o Semideus que dormia tranquilamente. A carta fez um leve choque percorrer o corpo de Rafael e isso seria o bastante para fazê-lo abrir os olhos. As mãos experientes foram para sobre seu peito e lá o papel escuro foi pego, sendo aberto para que o recado fosse lido, um recado direto de quem sabia para quem enviava:

" Rafael,

Tenho uma missão um tanto quanto complicada para você em meu reino, creio que para você vir aqui não será difícil então, te espero até o meio dia e traga suas melhores armas.... será algo jamais imaginado por você."


A caligrafia caprichada e as letras douradas que brotaram no papel negro denunciavam Hades como autor. O avô de Rafael o convocava para uma missão que segundo o próprio seria de dificuldade extrema. O que poderia esperar o Herói do Acampamento? Qual seria essa tal missão e que perigo poderia trazer para alguém como ele? Tudo isso seria respondido.. .cedo ou tarde.

Começando:

- Post simples recebendo a carta, se aprontando e rumando para o Hades. Quero uma narração adentrando ao Palácio já conhecido por você se encerrando ao esperar a presença do Deus do Submundo.
- Não tem restrição de poderes ou de artefatos.
- Let's Go!

avatar
Nathan F. Rashid
Filhos de Érebo
Filhos de Érebo

Mensagens : 6
Data de inscrição : 01/04/2014
Idade : 21

Ficha do personagem
Level: 15
Energia:
100/100  (100/100)
HP:
100/100  (100/100)

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Um desafio? ( Missão- Rafael Maximus)

Mensagem por Rafael L. Máximos em Qui Abr 24, 2014 11:06 pm

-♣-♣-♣-
Uma mensagem
I'm only a man with a candle to guide me
I'm taking a stand to escape what's inside me
A monster, a monster I'm turning to a monste
A monster, a monster And it keeps getting stronger
Outra noite assombrada por sonhos macabros, resultado do meu legado com filho de uma deusa, dezenas de batalhas e perdas irreparáveis. Acordei em meio à noite, sentindo algo percorrer meu corpo, uma sensação estranha a qual jamais havia me afligido. Levei minhas mãos até o ponto onde o objeto parecia estar, para tranquilidade momentânea, não passava de um pedaço enegrecido de papel. Sentei-me sobre a cama e liguei o abajur, a fraca luz da lâmpada foi suficiente para me auxiliar na leitura que se seguiu.

Assim que terminei de ler a mensagem enviada por meu avô senti que algo estava muito errado. Se tratava de algo muito mais sério do que aparentava, a simples forma como havia escrito a carta já revelava isso. O fato era que havia sido convocado, a carta era mesmo do submundo, pude sentir, tanto pelo cheiro de enxofre que o papel exalava quanto pela aura que o cercava. Levantei e logo me vesti, colocando uma calça jeans, uma camiseta preta por baixo da jaqueta da mesma cor, coloquei um tênis e prendi a bainha de Mortus ao meu cinto. Coloquei um dos meus pingentes no pescoço e o bracelete do Punho do Dragão em meu pulso esquerdo. Conferi o fio da espada antes de a recolocar a bainha, estava tudo pronto. Apaguei o abajur, fechei os olhos e deixei que a escuridão me envolvesse.

As trevas atenderam meu pedido, imediatamente, senti meu coro se deslocar pelo vazio até que então, pude perceber que meus pés estavam novamente no chão. Abri meu solhos, deparando-me com o gigantesco Castelo de Hades. Caminhei para os portões, que logo se abriram ao reconhecer a presença do sangue real se aproximar. Entrei no palácio de meu avô, convicto de que o encontraria no salão do trono, sendo assim, caminhei pelos corredores e escadas, sem encontrar ninguém.

A Sala principal, onde o trono do meu avô estava era realmente magnífica, mas estava vazia, o que me deixou surpreso. Caminhei até uma das poltronas menores e em uma delas me sentei enquanto percorria o local com um olhar atento. Não me restava opção, a não ser esperar meu avô se manifestar, sendo assim, fechei meu solhos e então falei minhas últimas palavras antes do silêncio total.

- Estou aqui, Lord Hades.

Armas:
Punho do Dragão Vermelho: um bracelete de ouro enfeitado com uma rubi. Quando acionado o mesmo vira uma luva semelhante a uma pata de dragão mas articulada para ser usada por humanos. O rubi fica nas costas da mão, quando seu efeito é ativado a pedra é capaz de absorver a energia de qualquer golpe lançado sobre ela, seja energia cinética, física, elétrica entre outras. Tal energia é repassada para o usuário da luva. [INDESTRUTÍVEL] [Quando o efeito ativada precisa de duas rodadas para ser usado outra vez – A energia adquirida pelo usuário fica a critério do narrador.] [Classe SS]

♠ Mortus: Lâmina de ferro estígio puro forjada nas profundezas do Tártaro, o cabo é feito com um dente do próprio Cérbero e tem o formato de um crânio na coronha. A arma é amaldiçoada e leva aqueles que mata diretamente para o Tártaro. O poder da lâmina é tanto que nem espíritos ou demônios são imunes ao seu poder, ela pode facilmente devolver os mortos para o submundo e até destruir por completo sua essência. Para que seus poderes sejam utilizados amplamente é preciso que o semideus pague um tributo, banhe a lâmina em seu sangue, ganhando assim a total lealdade da espada.  {Indestrutível} [By: Hebe] [Classe Divina]

όλα -> Um pingente que pode se transformar em qualquer coisa seja viva ou morta (arma ou monstro) mesmo que a arma seja mágica no que pensar ele se transforma e no caso da criatura morrer ele volta ao seu pescoço e pode ser ativado na próxima batalha [INDESTRUTÍVEL][Classe Divina]

Poderes Utilizados – Ativos:
Nível 23
♠ Teletransporte das sombras - Assim como sua mãe, o filho de Macária poderá chegar a qualquer lugar pelas sombras, sem fazer qualquer ruído a não ser liberando um cheiro adocicado. [Um post]

   
   
   

@R.Máximos

------------------------------------- PercyJackson -------------------------------------

Eles podem me matar, mas a superioridade moral é minha.
(Doctor Who)
avatar
Rafael L. Máximos
Filhos de Macária
Filhos de Macária

Mensagens : 1010
Data de inscrição : 24/12/2012
Idade : 20

Ficha do personagem
Level: 100
Energia:
990/990  (990/990)
HP:
999/999  (999/999)

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Um desafio? ( Missão- Rafael Maximus)

Mensagem por Nathan F. Rashid em Sex Abr 25, 2014 5:46 pm


Conversando...


Rafael adentrou ao grandioso e sombrio castelo de Hades, onde o Senhor do Submundo morava junto a sua esposa Perséfone. Por alguma razão desconhecida a cria de Macária, Perséfone não estava presente ali como sempre estava já que visitas era o que a fazia mais feliz.. mesmo que ela amasse seu marido. Os passos vagos e incertos adentraram ao grande salão de mármore negro já gasto, sem tanto brilho, com detalhes em dourado ornamentando as caveiras, crânios e armas ali presentes, Os quadros na parede mostravam a história de Hades no decorrer dos séculos e por fim terminava em um grande trono negro, de matéria irreconhecível por qualquer um e com um crânio presente no topo do mesmo, foi ali que Rafael sentiu o verdadeiro poder do seu Avô.

Hades apareceu das sombras, o rosto carregava uma seriedade fora do normal e o corpo ereto cruzava o salão em uma velocidade um tanto quanto anormal, o assunto como Rafael havia previsto era mais complicado do que ele podia imaginar. O olhar fuzilou o garoto sentado sobre um dos tronos menores e correntes negras prenderam o rapaz ao lugar, enquanto a voz soou após um aceno de mão no ar, séria, potente, gélida:

- Cria de Macária, sinto por ter tirado você de seu descanso mas vossos serviços como servo dos Deuses esta sendo solicitado. - Hades parou frente a ele e sua face estava coberta pelas sombras, o olhar era visto apenas pela intensidade, não que fossem realmente perceptíveis.- Não questionarei se declinará de meu "convite" pois estando aqui já não tem escolha. Você irá buscar um artefato que me pertence, mas que esta oculto nos confins da Terra, o acesso para esse local é por uma ilha oculta pelos Deuses onde encontrará as criaturas mais assustadoras que você já viu... Hidra perto de um deles é piada.

Hades chegou próximo a mesa onde uma garrafa de whisky estava estática junto a um copo fundo, que logo estava preenchido pela bebida marrom e forte. A mão contornou o copo trazendo o queimar da garganta pelo gole degustado e o Deus apenas terminou sem olhar para o Semideus que mesmo com esforços ainda estaria preso por um motivo desconhecido:

- Precisa de mais alguma coisa? Caso não precise quero que saía agora, quanto mais cedo voltar mais feliz eu ficarei.

Orientação:

- Postagem livre.

avatar
Nathan F. Rashid
Filhos de Érebo
Filhos de Érebo

Mensagens : 6
Data de inscrição : 01/04/2014
Idade : 21

Ficha do personagem
Level: 15
Energia:
100/100  (100/100)
HP:
100/100  (100/100)

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Um desafio? ( Missão- Rafael Maximus)

Mensagem por Rafael L. Máximos em Sex Abr 25, 2014 6:02 pm

-♣-♣-♣-
Acorrentado
I'm only a man with a candle to guide me
I'm taking a stand to escape what's inside me
A monster, a monster I'm turning to a monste
A monster, a monster And it keeps getting stronger
Antes que eu percebesse, Hades surgiu das sombras quase tão rápido quanto pude acompanhar. Senti as correntes gélidas se arrastarem pelos meus braços e peito, até que estavam firmemente ajustadas em torno de meus membros, prendendo-me ao pequeno trono. Sem que eu pudesse sequer questionar esse ato desconfiável, o Deus dos Mortos começou seu discurso nada amigável, onde parecia impor aquela missão a mim, independentemente da minha opinião sobre isso.

Quando finalmente Hades se calou, não consegui ficar totalmente sério, pois suas atitudes, além de precipitadas, eram realmente questionáveis. Isso revelava o tamanho desespero em que se encontrava, ainda mais pelo fato de que precisou exatamente da minha ajuda. Com um sorriso um tanto arrogante nos lábios olhei para a divindade, pensando bem em minhas palavras.

- Que inconsequente de sua parte, é uma atitude peculiar...sabe, você ir me prendendo assim quando precisa tanto da minha ajuda – deixei um breve riso escapar – Preciso de água do Estíge, apenas isso, acredito que pode ser útil. Claro que, vai ter que soltar as correntes, ou eu mesmo faço isso?

Armas:
Punho do Dragão Vermelho: um bracelete de ouro enfeitado com uma rubi. Quando acionado o mesmo vira uma luva semelhante a uma pata de dragão mas articulada para ser usada por humanos. O rubi fica nas costas da mão, quando seu efeito é ativado a pedra é capaz de absorver a energia de qualquer golpe lançado sobre ela, seja energia cinética, física, elétrica entre outras. Tal energia é repassada para o usuário da luva. [INDESTRUTÍVEL] [Quando o efeito ativada precisa de duas rodadas para ser usado outra vez – A energia adquirida pelo usuário fica a critério do narrador.] [Classe SS]

♠ Mortus: Lâmina de ferro estígio puro forjada nas profundezas do Tártaro, o cabo é feito com um dente do próprio Cérbero e tem o formato de um crânio na coronha. A arma é amaldiçoada e leva aqueles que mata diretamente para o Tártaro. O poder da lâmina é tanto que nem espíritos ou demônios são imunes ao seu poder, ela pode facilmente devolver os mortos para o submundo e até destruir por completo sua essência. Para que seus poderes sejam utilizados amplamente é preciso que o semideus pague um tributo, banhe a lâmina em seu sangue, ganhando assim a total lealdade da espada.  {Indestrutível} [By: Hebe] [Classe Divina]

όλα -> Um pingente que pode se transformar em qualquer coisa seja viva ou morta (arma ou monstro) mesmo que a arma seja mágica no que pensar ele se transforma e no caso da criatura morrer ele volta ao seu pescoço e pode ser ativado na próxima batalha [INDESTRUTÍVEL][Classe Divina]

Poderes Utilizados – Ativos:
Nível 23
♠ Teletransporte das sombras - Assim como sua mãe, o filho de Macária poderá chegar a qualquer lugar pelas sombras, sem fazer qualquer ruído a não ser liberando um cheiro adocicado. [Um post]
♠ Selo da Dor: Pode por um selo no alvo com um toque, semelhante a uma tatuagem, essa por sua vez causa uma dor intensa por todo o corpo do alvo [gasta 40 mp – dura 3 rodadas]

   
   
   

@R.Máximos

------------------------------------- PercyJackson -------------------------------------

Eles podem me matar, mas a superioridade moral é minha.
(Doctor Who)
avatar
Rafael L. Máximos
Filhos de Macária
Filhos de Macária

Mensagens : 1010
Data de inscrição : 24/12/2012
Idade : 20

Ficha do personagem
Level: 100
Energia:
990/990  (990/990)
HP:
999/999  (999/999)

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Um desafio? ( Missão- Rafael Maximus)

Mensagem por Nathan F. Rashid em Sex Abr 25, 2014 8:02 pm


Consequências.



O Deus fitou-o franzindo o cenho com a resposta que o semideus lhe deu. Rafael deveria entender que a recompensa por tal missão seria tão grandiosa quanto qualquer uma que ele pudesse ter tido, mas aquelas palavras fizeram com que o Lord do Submundo aprtasse mais as correntes e Rafael sentiu seu interior queimar quando a voz de Hades voltou a soar alto, dessa vez carregada de sabedoria que Rafael talvez soubesse, mas fazia questão de negar.

- Entenda uma coisa, conheço suas histórias e gosto das particularidades, mas entenda..- Hades deixou que sua face fosse vista, não havia emoção em seus olhos, apenas o encarar absoluto a Rafael - Você é um semideus, Por mais forte que seja não se compara a um Deus e sua arrogância desafia a minha soberania, em meu castelo.

A mão branca subiu no ar, apontando para Rafael e encostando sobre seu peito, puxando logo após o contato vários fios dourados que fizeram Rafael agonizar em sua prisão de correntes, como se os músculos do corpo fossem atrofiados. Um sorriso sarcástico finalmente brotou na face do Deus que continuou seu discurso:

- Essas almas não te pertencem. Toda alma que parte da vida tem que vir para meu mundo e por motivos óbvios você as sugou mas...- E as orbes reviraram enquanto os fios eram ainda puxados para fora - Não são suas. Deve conhecer a lei do submundo, o que entra aqui e que seja pertencente a mim fica aqui e obedece a mim. Entenda seus limites... Semideus.

E os fios desprenderam-se de Rafael, fazendo o mesmo sentir o corpo perder todas as forças, a ousadia em desafiar o Deus do Submundo pelo seu grande poder o forçou a perder por momento todas as almas que absorveu por todo o seu caminho. Hades caminhava até o outro lado da sala e colocava os fios sobre um crânio que os absorveu em um instante. Forçando a visão era possível ver seus rostos, nadando em uma imensidão minuscula para padrões normais.

- Eu pretendia que pegasse meu artefato e voltasse, mas essa missão servirá para você relembrar algo que perdeu a muito tempo, o respeito pelo outro. Lembre do seu lugar no mundo garoto.

Hades desfez as correntes e Rafael ficou livre, retomando as forças do corpo, mas sem os poderes sobressalentes, sentindo em seu interior apenas a essência de sua mãe. A caveira já não estava mais ali, não haveriam brechas para sabotagem. O Deus tocou a face do neto e o olhou nos olhos:

- Agora vá, tendo sucesso em sua missão conseguirá de volta seus poderes e algo muito maior do que você já tem. Muito além do que merece pelo seu comportamento, mas o bastante pela dificuldade do serviço.

Uma Marca Negra surgiu na palma da mão de Rafael e a partir de agora ele teria visão dessa Ilha no extremo Oeste do Pacífico. Hades já havia também sumido em uma das sombras, deixando o garoto sozinho para enfim seguir seu rumo em busca do artefato escondido de Lord Hades, muitas coisas dependiam do seu sucesso, uma delas, a própria força.

----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Observações:

- Por momento esta sem os poderes de outros Deuses, mas ainda tem os de sua mãe e as bençãos que recebeu.
- Narre o que sentiu durante as ações de Hades e termine a Narração com a chegada na Ilha, a partir dali darei uma direção fixa para você.

- Boa sorte e espero que se divirta.
avatar
Nathan F. Rashid
Filhos de Érebo
Filhos de Érebo

Mensagens : 6
Data de inscrição : 01/04/2014
Idade : 21

Ficha do personagem
Level: 15
Energia:
100/100  (100/100)
HP:
100/100  (100/100)

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Um desafio? ( Missão- Rafael Maximus)

Mensagem por Rafael L. Máximos em Ter Abr 29, 2014 4:17 pm

-♣-♣-♣-
Acorrentado
I'm only a man with a candle to guide me
I'm taking a stand to escape what's inside me
A monster, a monster I'm turning to a monste
A monster, a monster And it keeps getting stronger
Aquilo fora doloroso, Hades só poderia estar brincando. Ele parecia me subestimar, mas por hora, fiquei em silêncio pois meu juramento veio à mente. Lembrei do dia em que jurara à minha mãe não recair nas trevas novamente. Segurei minha vontade de gritar ao sentir cada uma das almas se desprendendo de mim, sim, era pior do que parecia. Quando Hades me libertou e disse suas últimas palavras fechei os olhos, enquanto o deus desaparecia da minha frente.

Respirei fundo e me levantei, estava sozinho novamente. De relance, olhei para o trono de Hades e depois para minha mão, a vontade de destruí-lo passou vagamente por meus pensamentos, mas é claro que eu não seria tão ousado para acabar com o equilíbrio do mundo, pelo menos não naquele momento. Se era uma missão bem sucedida que Hades queria, isso que eu lhe daria.

Canalizei as sombras do salão até que ficasse totalmente envolvido por elas, desaparecendo do salão logo em seguida. Meus poderes me levariam para o local mais próximo daquela ilha, pois eu poderia ir a qualquer lugar com eles. Mantive o foco, desejando o lugar mais próximo possível do ponto onde meu avô havia indicado a ilha. Senti algo firma abaixo dos meus pés, um cheiro diferente e uma brisa gélida. Abris os olhos para a escuridão noturna que me cercava, o balanço do chão era quase imperceptível. Logo percebi que estava sobre o deque de um navio, provavelmente um transatlântico a julgar pelo tamanho da embarcação.

Ao longe, quase que totalmente oculta pela névoa noturna havia uma misteriosa ilha, olhei para a palma de minha mão que já começara a doer. A marca que Hades havia colocado ali era bem visível, o que só aumentou as minhas suspeitas de que aquela era a ilha. Tirei o pingente que pendia na fina corrente em meu pescoço e o arremessei na minha frente, enquanto o mesmo se transformava em um Pégaso negro, montei sobre ele e logo estava voando a caminho da ilha.

Armas:
Punho do Dragão Vermelho: um bracelete de ouro enfeitado com uma rubi. Quando acionado o mesmo vira uma luva semelhante a uma pata de dragão mas articulada para ser usada por humanos. O rubi fica nas costas da mão, quando seu efeito é ativado a pedra é capaz de absorver a energia de qualquer golpe lançado sobre ela, seja energia cinética, física, elétrica entre outras. Tal energia é repassada para o usuário da luva. [INDESTRUTÍVEL] [Quando o efeito ativada precisa de duas rodadas para ser usado outra vez – A energia adquirida pelo usuário fica a critério do narrador.] [Classe SS]

♠ Mortus: Lâmina de ferro estígio puro forjada nas profundezas do Tártaro, o cabo é feito com um dente do próprio Cérbero e tem o formato de um crânio na coronha. A arma é amaldiçoada e leva aqueles que mata diretamente para o Tártaro. O poder da lâmina é tanto que nem espíritos ou demônios são imunes ao seu poder, ela pode facilmente devolver os mortos para o submundo e até destruir por completo sua essência. Para que seus poderes sejam utilizados amplamente é preciso que o semideus pague um tributo, banhe a lâmina em seu sangue, ganhando assim a total lealdade da espada. {Indestrutível} [By: Hebe] [Classe Divina]

όλα -> Um pingente que pode se transformar em qualquer coisa seja viva ou morta (arma ou monstro) mesmo que a arma seja mágica no que pensar ele se transforma e no caso da criatura morrer ele volta ao seu pescoço e pode ser ativado na próxima batalha [INDESTRUTÍVEL][Classe Divina]

Poderes Utilizados – Ativos:
Nível 23
♠ Teletransporte das sombras - Assim como sua mãe, o filho de Macária poderá chegar a qualquer lugar pelas sombras, sem fazer qualquer ruído a não ser liberando um cheiro adocicado. [Um post]

   
   
   

@R.Máximos

------------------------------------- PercyJackson -------------------------------------

Eles podem me matar, mas a superioridade moral é minha.
(Doctor Who)
avatar
Rafael L. Máximos
Filhos de Macária
Filhos de Macária

Mensagens : 1010
Data de inscrição : 24/12/2012
Idade : 20

Ficha do personagem
Level: 100
Energia:
990/990  (990/990)
HP:
999/999  (999/999)

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Um desafio? ( Missão- Rafael Maximus)

Mensagem por Nathan F. Rashid em Qui Maio 01, 2014 2:54 pm


A Ilha.



E em meio a toda a tormenta interior Rafael seguiu o seu caminho em direção a Ilha de Sky, localizada nos confins do Pacífico sem uma área definida. A viagem foi tranquila, mas em um mundo como o dos Semideuses onde um artefato que poderia mudar a história estava agora sendo procurado que viagem seria Pacífica? As águas rebentas do mar castigavam a embarcação e a chuva caía fortemente sobre todos os marujos. Rafael não sabia o que estava acontecendo ali dentro, o por que o navio estava naquele lugar ou o por que seu Avô lhe tirou os poderes, apenas tinha em vista a Ilha que começava a aparecer apenas para ele.

A marca queimava, a aproximação era evidente e indo contra o fluxo do Navio Rafael cruzou os ares montado em um pégaso criado por seu eficiente amuleto.... precitado. Como se atravessasse um portal ou um campo de força, sentiu uma onda passar por seu corpo e em um momento o pégaso sumiu voltando a ser um amuleto e Rafael caía de uma altura alucinadamente grande. Era noite, a visibilidade estava ruim e a chuva o castigava enquanto em uma velocidade exorbitante seu corpo girava no ar, até um impacto assustador ocorrer e o gosto acre surgir em sua garganta, rumando para os lábios e transformando-se em um sangramento fluído.

Os olhos abriam-se aos poucos e uma voz soou em seus ouvidos, mesmo que a presença não estivesse ali.

" Não confie em magia dentro desta Ilha. Os perigos presentes ai foram preparados para Deuses enfrentarem e quem o fez sabia que Deuses confiam demais em seus poderes. Tenha cautela, não posso te salvar todos os momentos em que precisar Rafael, cria de Macária. "

Era a voz pouco aveludada de Hades, que dava mais um aviso a Rafael procurando deixa-lo ainda mais ciente do que estaria enfrentando. Aos poucos Rafael notou os arredores, existiam apenas árvores imensas que tapariam a visão de filhos de Apolo experientes. O frio na Ilha era extremamente forte, buscar um abrigo seria o melhor a fazer no momento, mas dependeria apenas dele o fazer. O objeto que buscara localizavas-se no centro do lugar mas... como saber aonde era o centro? A busca começaria agora e sons amedrontadores podiam ser ouvidos ao longe em algum lugar da Ilha, sons esses que faziam Rafael agradecer por não estarem perto. O que fará Agora que esta só, molhado e com frio? A busca é perigosa e cada vez mais incerta.

----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Observações:

- Tem dois posts para achar abrigo e esquentar-se. O frio da Ilha é superior ao do Alasca e você esta molhado.
- Confie em você e no seu instinto de sobrevivência.

- Que a sorte esteja com você.
avatar
Nathan F. Rashid
Filhos de Érebo
Filhos de Érebo

Mensagens : 6
Data de inscrição : 01/04/2014
Idade : 21

Ficha do personagem
Level: 15
Energia:
100/100  (100/100)
HP:
100/100  (100/100)

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Um desafio? ( Missão- Rafael Maximus)

Mensagem por Rafael L. Máximos em Qui Maio 01, 2014 3:34 pm

-♣-♣-♣-
A Ilha
I'm only a man with a candle to guide me
I'm taking a stand to escape what's inside me
A monster, a monster I'm turning to a monste
A monster, a monster And it keeps getting stronger
Em um minuto eu sobrevoava o oceano até a ilha misteriosa para a qual fui enviado, no outro, meu amuleto perde seus poderes. Meu dia só tendia a piorar, depois das estranhas atitudes de Hades com relação aos meus poderes achei que nada poderia deixar a situação mais estressante, mas estava errado. A queda fora suficiente para me deixar levemente atordoado, algo havia aliviado o impacto, mesmo assim, o gosto de sangue fresco já estava em minha boca.

Levantei, realmente furioso com tudo aquilo, já começava a duvidar do poder dos deuses. Peguei o amuleto e seguindo o conselho enviado mentalmente a mim, assim como meus instintos, segui para a parte mais densa da floresta. Precisava achar um local seco, deduzi que precisaria adentrar a floresta para encontrar um abrigo adequado. Fechei minha jaqueta o máximo possível, coloquei minhas mãos dentro dos bolsos e adentrei a floresta da ilha rumo ao centro.

Armas:
Punho do Dragão Vermelho: um bracelete de ouro enfeitado com uma rubi. Quando acionado o mesmo vira uma luva semelhante a uma pata de dragão mas articulada para ser usada por humanos. O rubi fica nas costas da mão, quando seu efeito é ativado a pedra é capaz de absorver a energia de qualquer golpe lançado sobre ela, seja energia cinética, física, elétrica entre outras. Tal energia é repassada para o usuário da luva. [INDESTRUTÍVEL] [Quando o efeito ativada precisa de duas rodadas para ser usado outra vez – A energia adquirida pelo usuário fica a critério do narrador.] [Classe SS]

♠ Mortus: Lâmina de ferro estígio puro forjada nas profundezas do Tártaro, o cabo é feito com um dente do próprio Cérbero e tem o formato de um crânio na coronha. A arma é amaldiçoada e leva aqueles que mata diretamente para o Tártaro. O poder da lâmina é tanto que nem espíritos ou demônios são imunes ao seu poder, ela pode facilmente devolver os mortos para o submundo e até destruir por completo sua essência. Para que seus poderes sejam utilizados amplamente é preciso que o semideus pague um tributo, banhe a lâmina em seu sangue, ganhando assim a total lealdade da espada. {Indestrutível} [By: Hebe] [Classe Divina]

όλα -> Um pingente que pode se transformar em qualquer coisa seja viva ou morta (arma ou monstro) mesmo que a arma seja mágica no que pensar ele se transforma e no caso da criatura morrer ele volta ao seu pescoço e pode ser ativado na próxima batalha [INDESTRUTÍVEL][Classe Divina]

   
   
   

@R.Máximos

------------------------------------- PercyJackson -------------------------------------

Eles podem me matar, mas a superioridade moral é minha.
(Doctor Who)
avatar
Rafael L. Máximos
Filhos de Macária
Filhos de Macária

Mensagens : 1010
Data de inscrição : 24/12/2012
Idade : 20

Ficha do personagem
Level: 100
Energia:
990/990  (990/990)
HP:
999/999  (999/999)

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Um desafio? ( Missão- Rafael Maximus)

Mensagem por Nathan F. Rashid em Qui Maio 01, 2014 6:04 pm


A Ilha.



O ato de caminhar entre as árvores privou Rafael de sentir a chuva lhe tocando constantemente sobre o corpo, contudo, o frio ainda o fustigava mesmo que o casaco estivesse fechado ao máximo. Dentro do próprio bolso um acumulo de água lembrava-o que não tinha como se molhar mais do que que já estava molhado. Os olhos treinados percorriam todos os cantos da floresta, buscavam um abrigo onde poderia descansar e fugir da alta temperatura ali encontrada.

Dentre as olhadas que Rafael deu pelos troncos que passava notou ao longe uma luz vermelha saindo de dentro de uma rocha, o que era ali? Rafael só saberia se fosse ao local. Suas opções: Investigar a luz que poderia ser sua salvação..ou não ou continuar pela floresta a fim de achar o que veio buscar, contudo, o semideus já sentia a mandíbula bater e os pés já começavam a adormecer junto a ponta dos dedos, suas chances estavam acabando.. seu tempo estava escasso.. o que ele faria?

----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Observações:

- Tem um post para achar abrigo e esquentar-se. O frio da Ilha é superior ao do Alasca e você esta molhado.
- Confie em você e no seu instinto de sobrevivência.

- Que a sorte esteja com você.
avatar
Nathan F. Rashid
Filhos de Érebo
Filhos de Érebo

Mensagens : 6
Data de inscrição : 01/04/2014
Idade : 21

Ficha do personagem
Level: 15
Energia:
100/100  (100/100)
HP:
100/100  (100/100)

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Um desafio? ( Missão- Rafael Maximus)

Mensagem por Rafael L. Máximos em Qui Maio 01, 2014 9:00 pm

-♣-♣-♣-
Uma chance
I'm only a man with a candle to guide me
I'm taking a stand to escape what's inside me
A monster, a monster I'm turning to a monste
A monster, a monster And it keeps getting stronger
O frio me fazia tremer, a jaqueta mal conseguia me manter aquecido. Pelo menos a chuva não era mais um problema graças as árvores que a bloqueavam. Ao longe avistei um brilho, fiquei dividido entre seguir em frente ou investigar o que aquilo poderia ser. Foi uma dúvida que logo sumiu, precisava me recuperar ou a missão seria um fracasso, sendo assim, corri na direção do brilho misterioso.

Enquanto me aproximava tomei todo o cuidado para não chamar muita atenção. Retirei a espada da bainha e continuei indo em frente, evitando pisar em locais potencialmente perigosos pois poderia haver uma armadilha por perto. Foquei meus sentidos no ambiente, tentando prever qualquer atitude hostil. Minha respiração estava agitada devido o cansaço e o frio, o gosto de sangue ainda estava em minha boca, mas mesmo assim mantive-me determinado a seguir em frente sem me deixar abalar pelo azar que havia se abatido sobre mim até aquele momento.

Armas:
Punho do Dragão Vermelho: um bracelete de ouro enfeitado com uma rubi. Quando acionado o mesmo vira uma luva semelhante a uma pata de dragão mas articulada para ser usada por humanos. O rubi fica nas costas da mão, quando seu efeito é ativado a pedra é capaz de absorver a energia de qualquer golpe lançado sobre ela, seja energia cinética, física, elétrica entre outras. Tal energia é repassada para o usuário da luva. [INDESTRUTÍVEL] [Quando o efeito ativada precisa de duas rodadas para ser usado outra vez – A energia adquirida pelo usuário fica a critério do narrador.] [Classe SS]

♠ Mortus: Lâmina de ferro estígio puro forjada nas profundezas do Tártaro, o cabo é feito com um dente do próprio Cérbero e tem o formato de um crânio na coronha. A arma é amaldiçoada e leva aqueles que mata diretamente para o Tártaro. O poder da lâmina é tanto que nem espíritos ou demônios são imunes ao seu poder, ela pode facilmente devolver os mortos para o submundo e até destruir por completo sua essência. Para que seus poderes sejam utilizados amplamente é preciso que o semideus pague um tributo, banhe a lâmina em seu sangue, ganhando assim a total lealdade da espada. {Indestrutível} [By: Hebe] [Classe Divina]

όλα -> Um pingente que pode se transformar em qualquer coisa seja viva ou morta (arma ou monstro) mesmo que a arma seja mágica no que pensar ele se transforma e no caso da criatura morrer ele volta ao seu pescoço e pode ser ativado na próxima batalha [INDESTRUTÍVEL][Classe Divina]

   
   
   

@R.Máximos

------------------------------------- PercyJackson -------------------------------------

Eles podem me matar, mas a superioridade moral é minha.
(Doctor Who)
avatar
Rafael L. Máximos
Filhos de Macária
Filhos de Macária

Mensagens : 1010
Data de inscrição : 24/12/2012
Idade : 20

Ficha do personagem
Level: 100
Energia:
990/990  (990/990)
HP:
999/999  (999/999)

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Um desafio? ( Missão- Rafael Maximus)

Mensagem por Nathan F. Rashid em Qui Maio 08, 2014 6:24 pm


A Gruta.


As folhas chacoalhavam-se como se conversassem entre si aprovando a ação de Rafael como a coisa certa a ser feita. O Semideus seguiu seu caminho por entre as árvores e optou como salvação a gruta que destacava-se com seu brilho avermelhado. Não existiam segredos, não tinham armadilhas e apenas o barulho muito mias a frente era ouvido além das folhas, barulho esse que Rafael já não ouvia mais.

O Choque térmico foi inevitável, seu corpo estava absurdamente gelado e o lugar estava em uma temperatura de pelo menos 23º graus. Ao contrario do que poderia ser o filho de Macária sentiu apenas um arrepiar por todo o corpo e um conforto imediato. Seus olhos fecharam-se, Suas costas ficaram contra a parede e por mais forte que fosse o semideus... ele sabia que mais alguns minutos seria seu fim, ali era um lugar bom para se organizar.

A gruta é grande, espaçosa de forma que caberiam quatro minotauros de largura e dois de altura, o calor você não sabe de onde vem, pode procurar. Nas paredes existem desenhos em uma língua que você jamais viu, diferente de qualquer coisa e no fim uma marca para invocação. O lugar tem alguma história a contar sobre o que procura, tem a opção de seguir pela caverna para descobrir ainda mais coisas, invocar o guardião com um tributo de sangue ou voltar ao lado de fora e buscar o objeto que finalizará sua missão... boa escolha.

Observação:

- Algo no lugar fez seu corpo parar de doer e o sangramento cessou também.
avatar
Nathan F. Rashid
Filhos de Érebo
Filhos de Érebo

Mensagens : 6
Data de inscrição : 01/04/2014
Idade : 21

Ficha do personagem
Level: 15
Energia:
100/100  (100/100)
HP:
100/100  (100/100)

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Um desafio? ( Missão- Rafael Maximus)

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum